Dourados – MS quarta, 03 de março de 2021
Dourados
32º max
22º min
Cassems
MEIO AMBIENTE

Lixões a céu aberto rendem multa de R$ 39,3 milhões a cidades de MS

05 Jun 2016 - 10h43Por Do Progresso
Lixão a céu aberto é proibido desde 2014. - Crédito: Foto: Campo Grande NewsLixão a céu aberto é proibido desde 2014. - Crédito: Foto: Campo Grande News
Proibidos desde 2014, os lixões a céu aberto já resultaram na aplicação de R$ 39,3 milhões em multas a prefeituras de Mato Grosso do Sul. De acordo com o MPE (Ministério Público do Estado), são movidas 50 ações civis públicas e instaurados 48 procedimentos preliminar de investigação, sendo 17 com assinatura de TAC (Termo de Ajustamento de Conduta).

De acordo com o promotor Luciano Furtado Loubet, 70% do lixo de Mato Grosso do Sul vai para local céu aberto. Segundo os dados apresentados em entrevista coletiva no fim da semana passada, apenas oito dos 79 municípios têm aterro sanitário licenciado.

Nessa situação, estão as grandes cidade, como Campo Grande e Dourados, onde essa modalidade de gestão dos resíduos sólidos tem viabilidade econômica. Já os municípios menores não dispõem de verba para se regularizar.

"O nosso grande desafio, por uma característica do Estado, é que nós temos pequenos municípios, um distante do outro. E para a iniciativa privada não é muito atrativo economicamente. O poder público não consegue com seus parcos recursos resolver. Não é uma situação de má vontade do prefeito, de falta de trabalho promotor de justiça, de falta de trabalho do órgão ambiental", salienta o promotor.

As multas foram aplicadas a 10 prefeituras por descumprimento de ordem judiciais e TAC: Bonito, Cassilândia, Corumbá, Glória de Dourados, Juti, Aparecida do Taboado, Bandeirantes, Coxim, Terenos e Miranda.

"O lixão gera chorume, atrai presença de animais, catadores, crianças. O aterro sanitário é o local adequado. Tem manta que não permite que o chorume vá para o subsolo. Ele é coletado e tratado", afirma o promotor sobre a diferença na destinação dos resíduos sólidos. Do Campo Grande News.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Parceria entre Embrapa e Nestlé vai desenvolver protocolo para leite de baixo carbono
Meio ambiente

Parceria entre Embrapa e Nestlé vai desenvolver protocolo para leite de baixo carbono

03/03/2021 09:21
Parceria entre Embrapa e Nestlé vai desenvolver protocolo para leite de baixo carbono
La Niña pode favorecer a ocorrência de geada em Mato Grosso do Sul
Clima

La Niña pode favorecer a ocorrência de geada em Mato Grosso do Sul

01/03/2021 08:17
La Niña pode favorecer a ocorrência de geada em Mato Grosso do Sul
Pesquisadores brasileiros criam fogão solar para substituir botijão de gás e forno à lenha
Inovação

Pesquisadores brasileiros criam fogão solar para substituir botijão de gás e forno à lenha

26/02/2021 10:43
Pesquisadores brasileiros criam fogão solar para substituir botijão de gás e forno à lenha
Aumento de nuvens provocam pancadas isoladas de chuva à tarde
Clima

Aumento de nuvens provocam pancadas isoladas de chuva à tarde

25/02/2021 08:12
Aumento de nuvens provocam pancadas isoladas de chuva à tarde
Quarta-feira de tempo claro e máxima de 37°C no Estado
Clima

Quarta-feira de tempo claro e máxima de 37°C no Estado

24/02/2021 07:40
Quarta-feira de tempo claro e máxima de 37°C no Estado
Últimas Notícias