Dourados – MS terça, 29 de setembro de 2020
Dourados
37º max
21º min
Meio ambiente

Estudo questiona acordo sobre uso internacional do Aquífero Guarani

22 Jan 2016 - 09h51Por Do Progresso
Segundo o estudo, o Uruguai atuou como mobilizador. - Crédito: Foto: ReproduçãoSegundo o estudo, o Uruguai atuou como mobilizador. - Crédito: Foto: Reprodução
O Aquífero Guarani é um reservatório de águas doces subterrâneas que ocupa parte dos territórios do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai. Entre 2002 e 2010, durante as negociações com esses países para a assinatura do acordo que regula a utilização dessas águas, o Brasil atuou de modo soberanista e não exerceu o papel de líder das negociações.


“A maior preocupação do Brasil foi garantir que não haveria interferência dos outros três países. As autoridades brasileiras buscaram preservar a soberania nacional para que o acordo não permitisse nenhuma interferência no território subterrâneo nacional e em seus recursos naturais. Porém, foi uma atuação reticente, com a intenção de que o envolvimento fosse o menor possível”, aponta a jornalista Cínthia Leone Silva dos Santos, autora da dissertação de mestrado Atuação do Brasil na negociação do acordo sobre o aquífero guarani, apresentada em 14 de dezembro de 2015 ao Instituto de Energia e Ambiente (IEE) da USP.


A pesquisa, realizada sob a orientação do professor Wagner Costa Ribeiro, mostra que o Uruguai foi o país que mais se mobilizou pela assinatura do acordo. “Os diplomatas uruguaios se movimentaram e iam pessoalmente para as discussões”, conta a jornalista.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Pantanal pode levar até 50 anos para se recuperar de queimadas
Meio ambiente

Pantanal pode levar até 50 anos para se recuperar de queimadas

28/09/2020 16:15
Pantanal pode levar até 50 anos para se recuperar de queimadas
Operação Pantanal II adota nova estratégia para impedir avanço do fogo
Queimadas

Operação Pantanal II adota nova estratégia para impedir avanço do fogo

28/09/2020 14:43
Operação Pantanal II adota nova estratégia para impedir avanço do fogo
Convênio garante mais R$ 1,351 milhão para ações de combate a incêndios em MS
Meio Ambiente

Convênio garante mais R$ 1,351 milhão para ações de combate a incêndios em MS

26/09/2020 17:06
Convênio garante mais R$ 1,351 milhão para ações de combate a incêndios em MS
Governo e setor florestal articulam combate às queimadas e prevenção de incêndios
Meio Ambiente

Governo e setor florestal articulam combate às queimadas e prevenção de incêndios

26/09/2020 16:38
Governo e setor florestal articulam combate às queimadas e prevenção de incêndios
Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
Meio Ambiente

Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS

26/09/2020 10:02
Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
Últimas Notícias