Dourados – MS domingo, 29 de novembro de 2020
Dourados
36º max
25º min
Influx
Imaculada-Mobile
Meio ambiente

Embrapa emite alerta sobre nível do Rio Paraguai

22 Jan 2016 - 09h48
Se isso ocorrer, a tendência é de que os níveis dos rios fiquem acima da sua cota de permanência. - Crédito: Foto: EmbrapaSe isso ocorrer, a tendência é de que os níveis dos rios fiquem acima da sua cota de permanência. - Crédito: Foto: Embrapa
Estudos da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), alertam sobre o nível do Rio Paraguai que pode subir ainda mais nos próximos dias. As previsões são baseadas em dados obtidos através do portal GeoHidro Pantanal – uma ferramenta desenvolvida pelo Centro Internacional de Hidroinformática (CIH), localizado no Parque Tecnológico Itaipu, em parceria com a Embrapa Pantanal.


Mesmo com a a imprevisibilidade das condições meteorológicas dessa temporada de chuvas, a Embrapa informa que ainda é cedo para a emissão de um alerta preciso, mas a situação cuidados e monitoramento. “Este alerta considera apenas a hipótese da situação do tempo continuar conforme o previsto e como tem se confirmado nesse início de janeiro. Se isso ocorrer, a tendência é de que os níveis dos rios fiquem acima da sua cota de permanência de 50%”, diz a Embrapa em seu site oficial.


Segundo a empresa, a situação atual é a seguinte: Rio Paraguai – Estação de Ladário: acima de 4,6 metros; Rio Paraguai – Estação de Bela Vista do Norte: acima de 5,4 metros; Rio Cuiabá – Estação de Porto Alegre: acima de 5,8 metros; Rio Paraguai – Estação de Forte Coimbra: acima de 4,0 metros;Rio Paraguai – Estação de Porto Murtinho: acima 5,4 metros.


Conforme previsões, a tendência é de que, na Bacia do alto Paraguai-Pantanal, as chuvas diminuam ou mesmo parem até o final desta semana, dia 24, recomeçando na semana seguinte, o que é suficiente para manter o alerta sobre a região.

Durante todo o ano de 2015, instituições de Mato Grosso do Sul desenvolveram métodos para a emissão de estimativas quantitativas e automatizadas de previsão de nível, considerando todas as estações de nível disponíveis e com uma longa série de dados. Se os sistemas estiverem prontos para emitir alertas, esses devem ser emitidos ainda este ano.


Este primeiro alerta utiliza como critério a análise de informações das previsões meteorológicas para o trimestre de janeiro, fevereiro e março (JFM) de 2016 emitidos pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e outras fontes de informações no Brasil e no exterior. “Analisamos também a situação atual do nível do rio Paraguai e Cuiabá, no Pantanal, em diferentes estações”, explica Carlos Padovani, pesquisador da Embrapa Pantanal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras
Meio Ambiente

Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras

28/11/2020 17:08
Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras
Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras
Meio Ambiente

Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras

27/11/2020 16:29
Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras
PMA prende e autua em R$ 1 mil pescador usando petrechos ilegais durante a piracema
Meio Ambiente

PMA prende e autua em R$ 1 mil pescador usando petrechos ilegais durante a piracema

27/11/2020 10:08
PMA prende e autua em R$ 1 mil pescador usando petrechos ilegais durante a piracema
Ozonioterapia ajuda na recuperação de onça ferida em incêndio no Pantanal
Queimadas

Ozonioterapia ajuda na recuperação de onça ferida em incêndio no Pantanal

27/11/2020 07:28
Ozonioterapia ajuda na recuperação de onça ferida em incêndio no Pantanal
Arrendatário de fazenda é autuado em R$ 124 mil por causar danos em afluentes do Rio Formoso
Bonito

Arrendatário de fazenda é autuado em R$ 124 mil por causar danos em afluentes do Rio Formoso

25/11/2020 13:29
Arrendatário de fazenda é autuado em R$ 124 mil por causar danos em afluentes do Rio Formoso
Últimas Notícias