Dourados – MS sábado, 26 de setembro de 2020
Dourados
38º max
21º min
ECOLOGIA

Casa sustentável é 25% mais barata e término da construção é em 6 dias

26 Jun 2016 - 16h27
Casa sustentável é 25% mais barata e término da construção é em 6 dias -
Uma casa sustentável definida como "padrão europeu" chamou a atenção dos moradores de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. A construção foi feita em apenas seis dias e, melhor ainda, com 25% de economia em comparação a uma casa comum.

O projeto da casa sustentável é feito pelo espanhol Eugen Fudulu e pelo brasileiro Kleber Karru em parceria com o laboratório europeu Open MS. A construção é toda baseada na nanotecnologia, sem desperdiçar qualquer tipo de material e com apenas 4 funcionários para erguê-la em menos de uma semana – a partir do alicerce já pronto, num modelo similar ao feito nos edifícios.

Segundo os responsáveis, as paredes possuem isolamento térmico e acústico, com espuma e fios de vidro por dentro e por fora, mantendo uma temperatura agradável dentro da casa tanto no frio quanto no calor. O material é resistente a fogo, água e cupim (isso mesmo!); já a estrutura pode ter acabamento de acordo com a preferência do morador: azulejo, látex, textura ou grafado.

Com foco no aproveitamento de água, ar e energia, a construção ainda tem um purificador instalado que é capaz de filtrar a água antes que ela chegue na torneira da residência, além de estrutura para teto solar e aparelho de ar, que retira todas as bactérias do ambiente. Incrível, não é?

E não para por aí! O mais surpreendente, além da estrutura de primeiro mundo, economia (cerca de 25%) e do tempo, é que a casa sustentável ainda pode resistir a tremores de 9 graus na escala Richter e a ventos de até 300 km/h.

Agora, o desafio dos desenvolvedores é firmar uma parceria com o Governo Estadual para que o projeto chegue às áreas pouco favorecidas e à população de baixa renda. Além de resolver um problema de moradia, ainda geraria empregos, pois quanto mais funcionários, mais rápido será a construção.

"Isso poderia acontecer pois o número de pessoas trabalhando aumentaria. Com equipes de trabalho, divididas por funções, fazemos uma casa por dia. Neste caso, uma equipe faria o radier (alicerce), outra montaria a estrutura e outra seria responsáveis pelo revestimento e acabamento final", disse Kleber Karru ao portal Correio do Estado.

Se você mora em Campo Grande e está curioso para conhecer a casa sustentável, ela está localizada no bairro São Lourenço, na Rua Vista Alegre, esquina com a Inácio de Souza. Vale a pena conferir! Para quem não está perto, só resta as fotos desse projeto maravilhoso!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Convênio garante mais R$ 1,351 milhão para ações de combate a incêndios em MS
Meio Ambiente

Convênio garante mais R$ 1,351 milhão para ações de combate a incêndios em MS

26/09/2020 17:06
Convênio garante mais R$ 1,351 milhão para ações de combate a incêndios em MS
Governo e setor florestal articulam combate às queimadas e prevenção de incêndios
Meio Ambiente

Governo e setor florestal articulam combate às queimadas e prevenção de incêndios

26/09/2020 16:38
Governo e setor florestal articulam combate às queimadas e prevenção de incêndios
Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
Meio Ambiente

Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS

26/09/2020 10:02
Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
Ar seco se espalha e calorão volta, com baixa umidade do ar
Dourados

Ar seco se espalha e calorão volta, com baixa umidade do ar

26/09/2020 07:37
Ar seco se espalha e calorão volta, com baixa umidade do ar
Com provas suficientes, PF poderá indiciar fazendeiros por queimadas no Pantanal
Queimadas

Com provas suficientes, PF poderá indiciar fazendeiros por queimadas no Pantanal

25/09/2020 15:43
Com provas suficientes, PF poderá indiciar fazendeiros por queimadas no Pantanal
Últimas Notícias