Dourados – MS terça, 25 de junho de 2024
20º
Meu Detran
Feira em casa

Feirantes fazem "delivery" em Dourados para driblar prejuízo

08 Abr 2020 - 16h36Por Valéria Araújo
Crhis Ellen Morikawa Vasques aposta no delivery - Crédito: DivCrhis Ellen Morikawa Vasques aposta no delivery - Crédito: Div

Com queda de aproximadamente 40% nas vendas, alguns feirantes de Dourados resolveram apostar no delivery.  É o caso da vendedora Crhis Ellen Morikawa Vasques, que está levando frutas, verduras, legumes e outros produtos direto para a casa do consumidor por meio do WhatsApp no período da quarentena. 

Segundo ela, a prática já rendeu um aumento de pelo menos 15% nas vendas. "Eu já fazia as entregas via telefone antes, mas com o isolamento social, em que as pessoas estão mais em casa, notei que o aumento já é significativo para continuar mantendo o negócio". 

Em relação aos preços, ela destaca que os produtos, de modo geral, sofreram reajustes por virem de fora. É o caso do tomate, que de cerca de R$ 5 poderá ser comercializado a até R$ 10 no próximo final de semana. "Muita gente para de consumir e as grandes distribuidoras deixam de enviar o produto até o Estado. Com menor oferta, o preço acaba subindo", destaca. 

Apesar dos contratempos, Vasques está otimista. "Geralmente os preços de alguns produtos costumavam a subir na quaresma e desta vez não foi diferente. No entanto com a quarentena causada pelos riscos do coronavirus é possível que os valores em alta permaneçam por um tempo a mais. Porém acredito que em breve tudo isso passará e voltaremos a rotina normal", explica.

A feirante explica que os consumidores podem frequentar a Feira Livre da Rua Cafelândia de forma tranquila, porque todas as providências estão sendo tomadas para garantir menor risco de contaminação. "Nós estamos atendendo ao decreto da prefeitura que estipula a distância mínima de 3 metros entre cada barraca, além de disponibilizar álcool em gel e controlar a entrada para que não haja aglomeração", ressalta, observando que os consumidores precisam evitar o toque nos produtos. O horário de atendimento vai até às 20h.

Delivery

Para pedir os produtos em casa a feirante disponibilizou o contato via Whatssapp (99853 4763). Não será cobrada taxa de entrega. "O cliente me chama, eu disponibilizo uma lista de produtos e valores e ele pode pagar no cartão ou no dinheiro", explica. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Governo de MS discute práticas inovadoras na gestão de pessoas do setor público
Gestão Pública

Governo de MS discute práticas inovadoras na gestão de pessoas do setor público

24/06/2024 22:15
Governo de MS discute práticas inovadoras na gestão de pessoas do setor público
Detran-MS abordou saúde, direitos, atendimento e políticas inclusivas para público 60
Junho Prata

Detran-MS abordou saúde, direitos, atendimento e políticas inclusivas para público 60

24/06/2024 22:00
Detran-MS abordou saúde, direitos, atendimento e políticas inclusivas para público 60
Em projeto para "60+" apoiado pelo Governo, abraço acolhe e atividades ajudam afastar depressão
Inclusivo

Em projeto para "60+" apoiado pelo Governo, abraço acolhe e atividades ajudam afastar depressão

24/06/2024 20:30
Em projeto para "60+" apoiado pelo Governo, abraço acolhe e atividades ajudam afastar depressão
TJMS já realizou mais de 8,8 mil comunicações ao Domicílio Judicial Eletrônico
Judiciário

TJMS já realizou mais de 8,8 mil comunicações ao Domicílio Judicial Eletrônico

24/06/2024 20:15
TJMS já realizou mais de 8,8 mil comunicações ao Domicílio Judicial Eletrônico
Prefeitura realiza formação sobre as Relações Étnico-Raciais e de Gênero nesta terça-feira
Dourados

Prefeitura realiza formação sobre as Relações Étnico-Raciais e de Gênero nesta terça-feira

24/06/2024 19:00
Prefeitura realiza formação sobre as Relações Étnico-Raciais e de Gênero nesta terça-feira
Últimas Notícias