Dourados – MS domingo, 23 de fevereiro de 2020
Dourados
31º max
20º min
Economia

Indústria de MS abre 2,1 mil novos postos de trabalho no ano

09 Set 2019 - 13h52Por Redação
Setor já soma 123,1 mil trabalhadores com carteira assinada - Crédito: DivulgaçãoSetor já soma 123,1 mil trabalhadores com carteira assinada - Crédito: Divulgação

O setor industrial de Mato Grosso do Sul, que é composto pelas indústrias de transformação, de extrativismo mineral, de construção civil e de serviços de utilidade pública, já abriu, no período de janeiro a julho deste ano, 2.119 novos postos de trabalho, o que eleva para 123.146 o número de trabalhadores empregados com carteira assinada na indústria até o momento, conforme aponta levantamento realizado pelo Radar Industrial da Fiems. De acordo com os dados disponibilizados, o saldo positivo obtido no período de sete meses deste ano é resultado de 35.914 contratações e 33.795 demissões.

Na avaliação do presidente da Fiems, Sérgio Longen, os números positivos têm de ser comemorados todas as vezes em que são alcançados. “Cada vez mais, a indústria de Mato Grosso do Sul tem apresentado bons indicadores, consolidando a evolução do setor no Estado. As projeções feitas no fim do ano passado já demonstravam que teríamos um desempenho melhor em 2019 e os dados apresentados pela geração de empregos, faturamento e indicadores de otimismo dos empresários industriais confirmam isso”, analisou.

Ele acrescenta que o fato de o setor ter superado mais de 2,1 mil novos postos de trabalho de janeiro a julho deste ano é extremamente positivo para a economia sul-mato-grossense. “Esses números já podem ser considerados os primeiros sinais de recuperação do setor. O bom desempenho confirma a previsão de que neste 2º semestre as coisas deveriam melhorar ainda mais para o setor industrial do Estado”, pontuou.

Os dados

Segundo o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems, Ezequiel Resende, o saldo positivo dos primeiros sete meses deste ano pode ser creditado às indústrias de alimentos e bebidas (+822), da construção (+700), química (+378), do papel, papelão, editorial e gráfica (+277), extrativa mineral (+112) e metalúrgica (+86). “Somente no mês de julho, registramos a abertura de 149 postos de trabalho na indústria estadual, que é resultado de 4.807 contratações e 4.658 demissões. Os maiores saldos no mês foram nas indústrias de alimentos e bebidas (+276), da construção (+92), extrativa mineral (+52), do papel, papelão, editorial e gráfica (+46) e de calçados (+43)”, informou.

Já nos últimos 12 meses foram abertos 944 postos de trabalho na indústria estadual, que são resultado de 57.528 contratações e 56.584 demissões, tendo como maiores saldos as indústrias de alimentos e bebidas (+1.568), de papel, papelão, editorial e gráfica (+241), metalúrgica (+141) e extrativa mineral (+111). “Com esses números, o conjunto das atividades industriais em Mato Grosso do Sul encerrou julho de 2019 com 123.146 trabalhadores empregados, indicando elevação de 0,2% em relação ao mês anterior, quando o contingente ficou em 122.945 funcionários. Atualmente a atividade industrial responde por 18,9% de todo o emprego formal existente em Mato Grosso do Sul, ficando atrás dos setores de serviços (195.578), administração pública (133.910) e comércio (128.043)”, comparou. 

O economista relata que de janeiro a julho 118 atividades industriais apresentaram saldo positivo de contratação, proporcionando a abertura de 3.911 vagas, com destaque para abate de suínos, aves e outros pequenos animais (+474), fabricação de álcool (+457), fabricação de celulose e outras pastas para a fabricação de papel (+298), serviços especializados para construção (+224) e fabricação de açúcar em bruto (+187). Em relação aos municípios, constata-se que em 44 deles as atividades industriais registraram saldo positivo de contratação com destaque para Campo Grande (+551), Naviraí (+350), Itaquiraí (+247), Maracaju (+203), Coxim (+171), Sidrolândia (+156), Chapadão do Sul (+114), Aparecida do Taboado (+109), Paraíso das Águas (+86), Nova Andradina (+74), Eldorado (+72), Corumbá (+67), Dourados (+65), Angélica (+55), Terenos (+53), Anastácio (+50) e Ribas do Rio Pardo (+40).

 

Fonte: Fiems

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cronogramas e convocações dos concursos da PM e Bombeiros são publicados no Diário Oficial
Concursos

Cronogramas e convocações dos concursos da PM e Bombeiros são publicados no Diário Oficial

19/02/2020 13:45
Cronogramas e convocações dos concursos da PM e Bombeiros são publicados no Diário Oficial
Governo cria grupo para garantir inserção do jovem no mercado de trabalho
Oportunidades

Governo cria grupo para garantir inserção do jovem no mercado de trabalho

06/02/2020 17:34
Governo cria grupo para garantir inserção do jovem no mercado de trabalho
Fudação do Trabalho oferece 607 vagas de emprego em MS
Cidades

Fudação do Trabalho oferece 607 vagas de emprego em MS

03/02/2020 07:36
Fudação do Trabalho oferece 607 vagas de emprego em MS
Governo convoca para Cursos de Formação da PM e Bombeiros
Concursos

Governo convoca para Cursos de Formação da PM e Bombeiros

29/01/2020 19:47
Governo convoca para Cursos de Formação da PM e Bombeiros
Começou hoje as inscrições para processo seletivo de ingresso ao Curso de Formação de Sargentos
Polícia Militar

Começou hoje as inscrições para processo seletivo de ingresso ao Curso de Formação de Sargentos

27/01/2020 16:10
Começou hoje as inscrições para processo seletivo de ingresso ao Curso de Formação de Sargentos
Últimas Notícias