Dourados – MS segunda, 30 de novembro de 2020
Dourados
37º max
23º min
Imaculada-Desk
Imaculada-Mobile
Eleições 2020

Em Dourados, mesários também vão atuar como fiscais de saúde

Eles estão sendo instruídos para garantir menor risco de Covid nas 555 sessões eleitorais

26 Out 2020 - 14h18Por Marli Lange, Especial para O Progresso
Em Dourados, mesários também vão atuar como fiscais de saúde - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Para garantir a segurança de mesários, colaboradores e eleitores, nesta eleição,  a Justiça Eleitoral adotou uma série de medidas para minimizar o risco da Covid-19 durante o pleito eleitoral, de 15 de novembro.  Em Dourados os 2.220 mesário, que vão atuar nas 555 sessões da cidade,  foram treinados conforme as diretrizes do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para afastar o risco de contaminação.  Entre as ações está o uso de máscara, distanciamento entre os eleitores e álcool em gel, tudo para evitar os riscos.

Os mesários foram orientados pela plataforma de ensino à distância do TSE e pelo aplicativo Mesário. Os participantes receberam manual que, além de instruções técnicas sobre a montagem e funcionamento da seção eleitoral, consta protocolos sanitários.

O que muda

Conforme o protocolo do TSE, todas as seções eleitorais terão álcool em gel para limpeza das mãos dos eleitores antes e depois da votação, e os mesários receberão máscaras, face shield (protetor facial) e álcool em gel para proteção individual. Cartazes serão afixados com os procedimentos a serem adotados por todos.

Diferente das eleições passadas, serão promovidas mudanças no fluxo de votação. O leitor não entregará o documento de identificação ao mesário, apresentando-o a partir de um ponto a um metro de distância da mesa, indicado por meio de uma fita adesiva que será colada no chão.

Como o uso de máscaras de proteção será obrigatório durante todo o processo de votação, caso não seja possível reconhecer o eleitor com a máscara, ele deverá dar dois passos para trás, abaixá-la e voltar a ajustá-la tão logo seja reconhecido.

Outra mudança é que o número do título de eleitor será informado por um mesário a outro não com o compartilhamento dos documentos, mas através de leitura em voz alta. Uma vez identificado o eleitor, o nome será lido e confirmado também em voz alta.

O TSE pedirá a todos os eleitores que levem as próprias canetas, para assinar o caderno de votação. Caso o eleitor não tenha caneta, o mesário deverá borrifar álcool no objeto imediatamente após o uso pelo eleitor.

Ainda de acordo com o TSE, em todos os locais de votação haverá marcações de distanciamento de 1m entre os eleitores nas filas e também dentro das seções eleitorais, além de distanciamento entre eleitor e mesários. Entre as mesas dos colaboradores dentro da seção, a distância será de 1,5m.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mega-Sena acumula, mas morador de Dourados leva R$ 27 mil com 5 dezenas
MS

Mega-Sena acumula, mas morador de Dourados leva R$ 27 mil com 5 dezenas

29/11/2020 17:02
Mega-Sena acumula, mas morador de Dourados leva R$ 27 mil com 5 dezenas
Pesquisadores da UFGD criam alternativas no combate ao Aedes aegypti
MS

Pesquisadores da UFGD criam alternativas no combate ao Aedes aegypti

29/11/2020 12:09
Pesquisadores da UFGD criam alternativas no combate ao Aedes aegypti
Termina dia 16 inscrição de concurso CRF com salários de até R$ 3,2 mil
MS

Termina dia 16 inscrição de concurso CRF com salários de até R$ 3,2 mil

29/11/2020 11:09
Termina dia 16 inscrição de concurso CRF com salários de até R$ 3,2 mil
Esporte coletivo em local aberto e boliche são liberados em republicação de decreto
Dourados

Esporte coletivo em local aberto e boliche são liberados em republicação de decreto

28/11/2020 14:02
Esporte coletivo em local aberto e boliche são liberados em republicação de decreto
Tempo aberto e calor de até 41°C são esperados para este sábado
Clima

Tempo aberto e calor de até 41°C são esperados para este sábado

28/11/2020 07:09
Tempo aberto e calor de até 41°C são esperados para este sábado
Últimas Notícias