Dourados – MS segunda, 28 de setembro de 2020
Dourados
32º max
21º min
Cidades

Servidores dos Correios realizam ato em lançamento de campanha salarial

02 Ago 2016 - 15h52
Foto: Elvio Lopes - Foto: Elvio Lopes -
Com uma manifestação singela, porém, apresentando vários discursos ao público do entorno da agência central e das pessoas que aproveitavam para finalizar suas compras na região central da Capital, a diretoria e integrantes do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios de Mato Grosso do Sul (Sintect/MS), realizaram, no final da tarde de segunda-feira (01), um ato público para marcar o início da campanha salarial da categoria, que neste momento começa a negociar o próximo Acordo Coletivo de Trabalho. Durante o ato os sindicalistas distribuíram uma "Carta Aberta" à população explicando os motivos do movimento.

A presidente do Sintect-MS, Elaine Regina, explicou que os trabalhadores dos Correios reivindicam um reajuste salarial de 15%, manutenção de direitos garantidos na área da saúde e previdência, melhores condições de trabalho, contratações para suprir os setores com falta de pessoal e contra a privatização.

Ela enfatizou que a categoria é categórica contra a corrupção e que o sindicato tem como lema: nem corrupção, nem privatização, por um Correios Público e de Qualidade. "Apostamos numa estatal eficiente, que cumpre uma função social importante ao interligar com sua logística todo o país, porque o que existe é uma política deliberada de sucatear os Correios para justificar a privatização e assim atender o capital privado. Somos pela valorização dos trabalhadores dos Correios e pela manutenção da empresa estatal", destacou.

Quem também participou do ato foi o dirigente da Central Única dos Trabalhadores (CUT/MS), Genilson Duarte, que destacou a importância da defesa dos direitos garantidos dos trabalhadores na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). "Dizemos claramente não à retirada de direitos trabalhistas. Vamos pressionar e denunciar para os eleitores os deputados e senadores que votarem contra nossos direitos. Não podemos aceitar esse retrocesso", afirmou.

Outro sindicalista, solidário com a luta dos servidores dos Correios, José Abelha Neto, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil de Campo Grande (Sintracom), ressaltou que a defesa dos direitos trabalhistas é uma pauta comum a todos os sindicatos e também se posicionou contra a privatização dos Correios.

Após o ato, o Sintect-MS realizou um debate na sede da entidade com a economista Andréia Ferreira, assessora técnica do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese); Elvio Vargas, diretor do Sindicato dos Eletricitários de MS (Sinergia) e do Fórum contra a Terceirização e do advogado Mario Fonseca, coordenador da Frente Brasil Popular-MS, para avaliar a conjuntura econômica e política em que acontece a campanha salarial dos trabalhadores dos Correios.

A manifestação foi realizada em âmbito nacional e as reivindicações estão sendo encaminhadas à diretoria-geral dos Correios e ao Congresso Nacional, para que não vote pela privatização da instituição.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem acorda, não encontra esposa e horas depois descobre o corpo dela dentro de um poço
Laguna Carapã

Homem acorda, não encontra esposa e horas depois descobre o corpo dela dentro de um poço

há 39 minutos atrás
Homem acorda, não encontra esposa e horas depois descobre o corpo dela dentro de um poço
Itaporã

Idoso que sofria de Alzheimer é encontrado morto em valetão

28/09/2020 08:15
Sanesul ativará bombas flutuantes neste domingo em Corumbá para garantir abastecimento de água
abastecimento

Sanesul ativará bombas flutuantes neste domingo em Corumbá para garantir abastecimento de água

26/09/2020 15:31
Sanesul ativará bombas flutuantes neste domingo em Corumbá para garantir abastecimento de água
Capital

Mulher estranha irmão não ter tomado café da manhã e o encontra morto na cama

25/09/2020 17:34
Bandido que ajudou a cavar túnel de 70 metros para roubar banco em MS é ex-PM e foi preso em bairro de SP
MS

Bandido que ajudou a cavar túnel de 70 metros para roubar banco em MS é ex-PM e foi preso em bairro de SP

25/09/2020 17:02
Bandido que ajudou a cavar túnel de 70 metros para roubar banco em MS é ex-PM e foi preso em bairro de SP
Últimas Notícias