Dourados – MS sábado, 25 de setembro de 2021
Dourados
36º max
19º min
Institucional - Setembro
SEGURANÇA PÚBLICA

Presídios femininos do Estado terão projeto de embelezamento pessoal

08 Jun 2016 - 15h14
"De gente pra gente no cárcere" é o nome do Projeto. - Crédito: Foto: Divulgação"De gente pra gente no cárcere" é o nome do Projeto. - Crédito: Foto: Divulgação
"De gente pra gente no cárcere" é o nome do projeto que será implantado no sistema prisional de Mato Grosso do Sul, com o objetivo de elevar a autoestima das custodiadas através do oferecimento, gratuito, de serviços de embelezamento pessoal.

O projeto será desenvolvido pelo cabeleireiro Marcos Rogério, proprietário de um salão de beleza instalado no Comper Ypê, que realiza esse trabalho voluntário desde 2012 junto a moradores de bairros carentes de Campo Grande. Ele também escreve sobre beleza e bem-estar, como colunista, na revista regional A.L.S.O.

Nos encontros, a serem realizados inicialmente duas vezes por mês, serão feitos cortes de cabelos, escovação, hidratação, serviços de manicure e pedicure e maquiagem. Também serão ministradas palestras com dicas de beleza, saúde e bem-estar. A intenção é que, com o decorrer do projeto, também sejam realizados cursos profissionalizantes nas áreas de beleza, moda e artesanato.

A proposta foi apresentada nessa terça-feira (7) ao diretor-presidente da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), Ailton Stropa Garcia (foto). Também participaram da reunião o diretor de Assistência Penitenciária, Gilson de Assis Martins, e a chefe da Divisão de Educação da instituição, Rita de Cássia Fonseca Argolo Fonseca.

Durante o encontro, Marcos Rogério destacou que o projeto no presídio objetiva levar às custodiadas "um serviço de beleza e estética com a qualidade que todas merecem. "As mulheres que estão privadas da própria liberdade de ir e vir também merecem a sensação maravilhosa de sentirem-se belas e bem cuidadas", justificou. "Queremos levar a elas esse dia tão especial, que, mais que beleza, proporciona o resgate da dignidade", enfatizou.

Segundo o diretor-presidente da Agepen, o projeto é muito importante e deve ser realizado, primeiramente, no Estabelecimento Penal Feminino "Irmã Irma Zorzi", para, depois, atingir outros presídios, como o semiaberto de Campo Grande e os de Rio Brilhante e São Gabriel D’Oeste.

"Pessoas como o cabeleireiro Marcos, a quem devemos ser eternamente gratos, enriquecem e tornam nosso mundo bem melhor, atingindo, agora, com o mesmo amor que é dedicado às pessoas livres, as mulheres encarceradas, que, certamente, saberão valorizar e aproveitar mais essa oportunidade", finalizou Stropa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS terá sábado quente e ensolarado com chance de pancadas isoladas de chuva
Clima

MS terá sábado quente e ensolarado com chance de pancadas isoladas de chuva

25/09/2021 07:00
MS terá sábado quente e ensolarado com chance de pancadas isoladas de chuva
Mãe e filho morrem em rio de MS com barco desgovernado
Coxim

Mãe e filho morrem em rio de MS com barco desgovernado

24/09/2021 15:45
Mãe e filho morrem em rio de MS com barco desgovernado
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Rota Bioceânica

Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS

24/09/2021 15:15
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Semed visita escolas para verificar cumprimento do protocolo de volta às aulas
Dourados

Semed visita escolas para verificar cumprimento do protocolo de volta às aulas

24/09/2021 13:00
Semed visita escolas para verificar cumprimento do protocolo de volta às aulas
Enem

Terminam hoje inscrições para pessoas privadas de liberdade

24/09/2021 11:00
Últimas Notícias