Dourados – MS quarta, 16 de junho de 2021
Dourados
26º max
13º min
Paraná

Municípios iniciam vacinação contra a dengue; meta é imunizar 500 mil pessoas

13 Ago 2016 - 18h00
Municípios iniciam vacinação contra a dengue; meta é imunizar 500 mil pessoas -
As unidades de saúde de 30 municípios do Paraná ficarão abertas até o fim da tarde deste sábado (13), Dia D de vacinação contra a dengue no estado. A campanha segue até o dia 3 de setembro. A meta da Secretaria de Saúde é imunizar cerca de 500 mil pessoas com a primeira dose da vacina que está sendo fornecida de graça para parte da população.
Em Paranaguá, no litoral paranaense, e em Assaí, no norte, as doses estarão disponíveis para pessoas com idade entre nove e 44 anos. Nos outros 28 municípios prioritários, a vacina será destinada aos jovens com idade entre 15 e 27 anos. A escolha do público-alvo tem base em estudo da secretaria, que apontou que 30% dos casos ocorrem nesta faixa etária.

Para agilizar o atendimento, a orientação é que as pessoas preencham o pré-cadastro, que pode ser feito pela internet. Moradores de 28 municípios podem fazê-lo. São eles
Paranaguá, Assaí, Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel do Iguaçu,Boa Vista da Aparecida, Tapira, Santa Isabel do Ivaí, Cruzeiro do Sul, Santa Fé, Munhoz de Melo, Marialva, Paiçandu, São Jorge do Ivaí, Mandaguari, Sarandi, Iguaraçu, Ibiporã,Jataizinho, Porecatu, Bela Vista do Paraíso,Cambé, Sertanópolis, Leópolis, São Sebastião da Amoreira, Itambaracá,Cambará e Maripá. As exceções são os municípios de Maringá e Londrina, que já contam com sistemas próprios para controle de vacinas.

Quem não fizer o cadastro prévio poderá preenchê-lo no momento em que comparecer à unidade de saúde, mas terá que aguardar para ser imunizado. Para receber a vacina, é preciso também apresentar um documento pessoal com foto e o comprovante de residência.
Em fevereiro e agosto de 2017, serão aplicadas as doses de reforço, completando o esquema vacinal. Gestantes, lactantes, portadores do vírus HIV e pessoas com febre não devem ser imunizadas.

A vacina protege contra os quatro tipos de dengue. Para tanto, será preciso receber três doses com intervalo de seis meses entre cada uma delas. Os reforços deverão ser feitos em fevereiro e agosto de 2017. Estudos clínicos indicam que a imunização pode reduzir o índice da doença em mais de 60%.

Novos casos

A Secretaria da Saúde do Paraná (Sesa) confirmou 353 novos casos de dengue até terça-feira (9). Com isso, o estado tem, agora, 56.351 casos confirmados no período epidemiológico entre agosto de 2015 e este mês.

Na última semana, o número de casos autóctones (contraídos na cidade em que a pessoa mora) foi o que mais cresceu: foi de 52.345, no mesmo período, para 52.708, até esta terça-feira. O número de mortes decorridas da doença permeneceu o mesmo, em relação ao boletim anterior - 61.

Este, de agosto, é o último boletim divulgado neste período epidemiológico, de acordo com a Sesa. A partir do próximo levantamento, os números são zerados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul isenta de IPVA vítima de apropriação indébita
Isenção

Mato Grosso do Sul isenta de IPVA vítima de apropriação indébita

15/06/2021 17:00
Mato Grosso do Sul isenta de IPVA vítima de apropriação indébita
Vacina

Dourados aguarda novas doses para ampliar calendário de vacinação

15/06/2021 16:00
Lockdown

Após Lockdown, Dourados registra redução de 48,6% na taxa de óbitos

15/06/2021 15:00
Geraldo Resende lamenta descumprimento de acordo e regras do ‘Prosseguir’ pelo prefeito de Campo Grande
Saúde

Geraldo Resende lamenta descumprimento de acordo e regras do ‘Prosseguir’ pelo prefeito de Campo Grande

15/06/2021 13:00
Geraldo Resende lamenta descumprimento de acordo e regras do ‘Prosseguir’ pelo prefeito de Campo Grande
Pandemia

Em nota oficial, governo de MS 'alerta' municípios para que 'assumam a responsabilidade sobre seus atos'

15/06/2021 11:00
Últimas Notícias