Dourados – MS terça, 24 de novembro de 2020
Dourados
35º max
21º min
Imaculada-Desk
Imaculada-Mobile
Campo Grande

Manifestantes ocupam prédio do Incra na Capital

15 Jun 2016 - 07h00
Manifestantes ocupam prédio do Incra na Capital depois da exoneração de superintendente. - Crédito: Foto: Guilherme Henri/CGNewsManifestantes ocupam prédio do Incra na Capital depois da exoneração de superintendente. - Crédito: Foto: Guilherme Henri/CGNews
A exoneração do superintendente regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), publicada no Diário Oficial da União na edição de ontem, coincidiu com a ocupação da sede do órgão no início da mesma manhã, por cerca de 300 integrantes do Movimento da Agricultura Familiar (MAF), que exigem a nomeação de um servidor de carreira para comandar a instituição.


O ex-superintendente Humberto de Mello Pereira, nomeado em novembro do ano passado, em agosto de 2015 teve seu nome indicado em uma reunião com integrantes dos movimentos rurais para dirigir o órgão no Estado, em substituição a Sidney Ferreira de Almeida, nomeado em julho daquele ano.


Os manifestantes, que chegaram à sede do Incra na Capital por volta de 6h30 de ontem, passaram a manhã reunidos com o superintendente substituto do órgão, Daniel Tadao Yamamoto e reivindicaram, além da presença do presidente nacional do instituto, a nomeação de um servidor de carreira da entidade para superintendente no Estado e acordaram em apresentar três nomes, entre os quais o atual ouvidor agrário da regional, Argemiro Hernandes Alves.


Durante a ocupação, os servidores do órgão, equipes de serviços gerais e seguranças do prédio, onde funciona um shopping Center, foram impedidos de trabalhar.


Conforme alguns manifestantes, que estão com barracas, agasalhos, cobertores e material de cozinha, a ocupação está programada para permanecer no prédio, localizado na esquina das ruas 25 de Dezembro com Antonio Maria Coelho, até que sejam atendidos em suas reivindicações.


O superintendente exonerado, Humberto Mello, é servidor de carreira da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) e estava no cargo desde 18 de novembro, quando substituiu Sidney Ferreira, nomeado em julho.


O mais antigo superintendente do Incra no Estado, Celso Cestari, que ocupou o cargo por 13 anos, em três oportunidades, pediu exoneração no final de abril do ano passado e desde então, três substitutos passaram pelo órgão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto
MS

Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto

24/11/2020 07:04
Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto
Incêndio destrói 400 caixas d'águas na Capital
Capital

Incêndio destrói 400 caixas d'águas na Capital

23/11/2020 16:53
Incêndio destrói 400 caixas d'águas na Capital
Onevan, o candidato que venceu após a morte
Política

Onevan, o candidato que venceu após a morte

23/11/2020 13:26
Onevan, o candidato que venceu após a morte
Sábado tem mutirão da dengue na Chácara Cidélis e Dioclécio Artuzi
Dengue

Sábado tem mutirão da dengue na Chácara Cidélis e Dioclécio Artuzi

20/11/2020 17:06
Sábado tem mutirão da dengue na Chácara Cidélis e Dioclécio Artuzi
Délia revoga decreto e parques voltam a ser fechados em Dourados
Dourados

Délia revoga decreto e parques voltam a ser fechados em Dourados

20/11/2020 14:35
Délia revoga decreto e parques voltam a ser fechados em Dourados
Últimas Notícias