Dourados – MS domingo, 24 de outubro de 2021
Dourados
27º max
20º min
Ranking Valor Econômico
Cidades

Governo prioriza projetos estratégicos

15 Fev 2011 - 22h06
Um dos principais desafios é garantir a construção de mais 50 mil casas populares
Foto: div. - Um dos principais desafios é garantir a construção de mais 50 mil casas populares Foto: div. -
CAMPO GRANDE - O governador André Puccinelli destacou ontem de manhã, na Assembleia Legislativa, que sua meta nos próximos anos é realizar projetos que garantam a sustentação do crescimento de Mato Grosso do Sul pelos próximos 50 anos. Ele garantiu que vai dar atenção especial aos modais de transporte, realizando projetos estratégicos para o des-envolvimento com intervenções de grande porte na infraestrutura do Estado. “Com pequeno mercado e um enorme po-tencial produtivo, Mato Grosso do Sul depende da modernização da estrutura logística para atração de novos empreen-dimentos e para a inserção de regiões menos competitivas na economia de escala”, ressaltou.

Ele informou que para a consolidação desta meta, quatro projetos já estão em execução, três estão na fase do projeto executivo e dois na etapa da viabilidade técnica e econômica. Entre as obras fundamentais para impulsionar o desenvol-vimetno do Estado destaca-se a execução de 1.500 quilômetros de linhas de transmissão de energia, dois eixos de inte-gração rodoviária (pavimentação da BR-359 e construção da rodovia Sul Fronteira) e a construção do Terminal Intermo-dal de Cargas de Campo Grande.

O governador também destacou que o Estado vai contar com duas ferrovias que terão papel decisivo para o fortaleci-mento da economia dos municípios. A Ferroeste vai ligar a região produtora de Maracaju/Dourados a Mundo Novo até o Porto de Paranaguá, no Paraná. Já a Ferrovia do Pantanal vai criar uma nova rota de escoamento da produção do Estado para o Porto de Santos, ligando São Paulo até Porto Murtinho, fronteira com o Paraguai.

André também destacou que na área da aviação, a prioridade é a construção do novo aeroporto internacional de Cam-po Grande, sendo que já reservou uma área de 1.381 hectares que deverá ser doada a Infraero, assim que a estatal assumir compromisso forma com um cronograma de obras e investimentos para construção do novo complexo aeroportuário para a Capital.

A luta pela federalização e pavimentação da MS-040, entre Campo Grande e São Paulo, e a construção do poliduto, também foram destacados por André Puccinelli como prioridades do seu governo nestes próximos quatro anos. Na área de logística de transportes, o governador lembrou aos deputados que já investiu mais de R$ 500 milhões na pavimentação de 509 quilômetros de rodovias, criando novos caminhos para o escoamento da produção agroindustrial. Outros R$ 72 milhões foram investidos na reforma e construção de 721 pontes, sendo 41 pontes novas de concreto.

Ele informou que por meio do desenvolvimento do Programa MS Forte, o Estado está realizando pavimentação de mais 757 quilômetros de rodovia, recapeamento de 808 quilômetros e implantação de 82 contornos viários e acessos ur-banos. “Com isso, o Estado ganha mais 1.647 quilômetros de novas vias asfaltadas, interligando regiões produtores e áreas de grande produção de grãos”, destacou.
#####15 Metas
“A nossa reeleição nos motiva a fazer sempre o melhor, com criatividade, inovação e muito, mas muito trabalho”, afirmou o governador André Puccinelli na Assembleia Legislativa. Ele ressaltou que os próximos quatro anos de seu governo estão alicerçados no Plano de 15 Metas, que foi amplamente debatido e aprovado pela população durante a cam-panha eleitoral.

Um dos principais desafios é garantir a construção de mais 50 mil casas populares e a pavimentação de mais 1000 quilômetros de rodovias. Ele também lembrou que irá priorizar recursos para construção de centros regionais de especia-lidade em saúde pública, aquisição de novas viaturas e armamentos e implantação de escolas de tempo integral.

No final do seu discurso, o governador André fez questão de agradecer o apoio dos deputados na análise dos projetos encaminhados pelo governo do Estado. “A solidariedade do Poder Legislativo foi decisiva para Mato Grosso do Sul re-cuperar sua capacidade de investimentos e apressar o passo rumo ao desenvolvimento”, afirmou.

André ressaltou que a mobilização de todos os segmentos da sociedade é fundamental para impulsionar o progresso e desenvolvimento do Estado. “Poderes públicos, parceiros municipais e federais, classes produtoras, empreendedores, entidades filantrópicas, sociedade organizada, todos somos agentes e beneficiários desta marcha para nosso encontro com um Estado economicamente mais forte, socialmente mais justo e ambientalmente mais sadio”, finalizou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mais uma etapa da pavimentação da Rua Hayel Bon Faker é concluída hoje
Dourados

Mais uma etapa da pavimentação da Rua Hayel Bon Faker é concluída hoje

23/10/2021 12:00
Mais uma etapa da pavimentação da Rua Hayel Bon Faker é concluída hoje
Saiba o que fazer para prevenir problemas durante e após temporais
Cidades

Saiba o que fazer para prevenir problemas durante e após temporais

23/10/2021 10:00
Saiba o que fazer para prevenir problemas durante e após temporais
Comércio 'torra' estoque a partir de segunda-feira em Dourados
Oportunidade

Comércio 'torra' estoque a partir de segunda-feira em Dourados

23/10/2021 09:00
Comércio 'torra' estoque a partir de segunda-feira em Dourados
Chuva ganha força a partir deste sábado e pode trazer nova tempestade para MS
Clima

Chuva ganha força a partir deste sábado e pode trazer nova tempestade para MS

23/10/2021 08:00
Chuva ganha força a partir deste sábado e pode trazer nova tempestade para MS
Após cinco anos em queda, número de empresas no Brasil cresceu em 2019
Cidades

Após cinco anos em queda, número de empresas no Brasil cresceu em 2019

22/10/2021 17:00
Após cinco anos em queda, número de empresas no Brasil cresceu em 2019
Últimas Notícias