Dourados – MS quarta, 25 de novembro de 2020
Dourados
35º max
21º min
Influx
Imaculada-Mobile
MS

Fazendeiro alvo de operação contra queimadas no Pantanal é preso com armas e munições

Tudo estava na casa dele, alvo de busca e apreensão, segunda-feira (14), na área urbana de Corumbá.

15 Set 2020 - 14h31Por G1MS
Fazendeiro alvo de operação contra queimadas no Pantanal é preso com armas e munições - Crédito: PF/Divulgação Crédito: PF/Divulgação

Um fazendeiro alvo da operação da Polícia Federal (PF) contra queimadas no Pantanal sul-mato-grossense está preso após o cumprimento de mandados de busca na casa dele nesta segunda-feira (14). Ele foi detido em flagrante por porte ilegal de armas e munição. O crime é inafiançável.

Na residência do produtor rural, na área urbana de Corumbá, os policiais encontraram duas pistolas, um revólver, 108 munições de uso permitido e 44 de uso restrito. Como o crime é inafiançável pela polícia, o fazendeiro foi para o presídio da cidade e aguarda audiência de custódia.

Na operação, a PF cumpriu 10 mandados de busca e apreensão. Dois em Campo Grande, dois na área urbana de Corumbá, onde foram apreendidos também documentos e celulares, 6 na área rural onde os policiais foram de barco, e conforme o delegado Alan Givigi, nada foi recolhido, mas perícias foram feitas e funcionários de fazendas ouvidos.

Conforme Alan Givigi, que coordena a operação, a PF chegou até os endereços alvos dos mandados após imagens de satélite indicarem onde o fogo começou. Depois disso, foram feitas investigações nos locais e tomados depoimentos.

A suspeita da PF é que o incêndio que destruiu a vegetação tenha começado a partir de fogo para transformar a área em pastagem para criação de gado.

"As investigações indicam que o fogo tenha sido colocado para depois transformar em pastagem. Você extrai a mata nativa, e aí fica a pastagem para o gado", disse o delegado.

Conforme a PF, os suspeitos de colocar fogo na região poderão responder pelos crimes de dano a floresta de preservação permanente, dano direto e indireto a unidades de conservação, incêndio e poluição (Art. 54, da Lei no 9.605/98), cujas penas somadas podem ultrapassar 15 anos de prisão.

A operação foi denominada Matáá, que significa fogo no idioma guató, em referência aos índios pantaneiros Guatós que vivem nas proximidades das áreas atingidas.

Queimadas

Desde o início do ano, o Pantanal sofre com queimadas. Segundo os últimos dados divulgados pelo Ibama, são 2.349.000 hectares de áreas destruídas pelo fogo, sendo 1.259.000 hectares no Mato Grosso e 1.081.000 hectares em Mato Grosso do Sul.

O governo do estado decretou situação de emergência, a União reconheceu e a Defesa Civil faz um plano de trabalho para contratação de material humano e equipamentos.

No final de agosto, uma chuva forte deu fim a muitos focos na região de Corumbá e aliviou a fumaça que encobria a cidade. No momento, a situação é mais crítica no Parque Estadual das Nascentes do Taquari, em Costa Rica e Alcinópolis.

Uma força-tarefa foi criada para combater o fogo na região, que atinge a unidade de conservação e também fazendas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Suspeita de Covid-19 interrompe atividades em agência do Detran de Nova Alvorada do Sul
Saúde

Suspeita de Covid-19 interrompe atividades em agência do Detran de Nova Alvorada do Sul

25/11/2020 16:51
Suspeita de Covid-19 interrompe atividades em agência do Detran de Nova Alvorada do Sul
Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto
MS

Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto

24/11/2020 07:04
Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto
Incêndio destrói 400 caixas d'águas na Capital
Capital

Incêndio destrói 400 caixas d'águas na Capital

23/11/2020 16:53
Incêndio destrói 400 caixas d'águas na Capital
Onevan, o candidato que venceu após a morte
Política

Onevan, o candidato que venceu após a morte

23/11/2020 13:26
Onevan, o candidato que venceu após a morte
Sábado tem mutirão da dengue na Chácara Cidélis e Dioclécio Artuzi
Dengue

Sábado tem mutirão da dengue na Chácara Cidélis e Dioclécio Artuzi

20/11/2020 17:06
Sábado tem mutirão da dengue na Chácara Cidélis e Dioclécio Artuzi
Últimas Notícias