Dourados – MS segunda, 24 de fevereiro de 2020
Dourados
31º max
20º min
Cidades

Costa Rica: Opção reúne 52,2 mil em 14 cidades

19 Jan 2011 - 13h54
Cinema de graça foi um sucesso em todas as cidades porque passou em MS
 - Crédito: Foto: DivulgaçãoCinema de graça foi um sucesso em todas as cidades porque passou em MS - Crédito: Foto: Divulgação
COSTA RICA - O Cine Sesi Cultural, realizado de 17 de setembro de 2010 a 16 de janeiro de 2011 em 14 cidades sul-mato-grossenses, reuniu publico total de 52,2 mil pessoas, ou seja, uma média de quase 3,7 mil pessoas por município nos últimos quatro meses. Neste fim de semana, o Projeto foi encerrado no Estado com as exibições dos filmes “Até O Sol Raiar”, “Se Eu Fosse Você 2”, “O Branco”, “Pequenas Histórias”, “Vida Maria” e “A Era do Gelo 3” para a população de Costa Rica, onde quase três mil pessoas prestigiaram o evento.

Segundo o presidente da Fiems, Sérgio Longen, o Cine Sesi Cultural, no País já beneficiou quase 3 milhões de pessoas em 400 cidades espalhadas por 8 Estados, caracteriza-se como um festival de cinema itinerante com a proposta de levar cinema para os municípios que não possuem salas de exibição em funcionamento. “É uma grata satisfação para toda a Diretoria do Sistema Fiems reunir nessas 14 cidades mais de 50 mil pessoas. Esse projeto de responsabilidade social contribui para divulgar as ações do Sesi no Estado, mas do que nunca estamos cumprindo o nosso compromisso com as diversas comunidades do Estado na área de cidadania”, disse.

Já a superintendente do Sesi, Maura Gabínio, reforça que os números alcançados em Terenos, Ribas do Rio Pardo, São Gabriel do Oeste, Rio Verde, Miranda, Ladário, Amambai, Ponta Porã, Rio Brilhante, Nova Andradina, Bataguassu, Aparecida do Taboado, Chapadão do Sul e Costa Rica são fantásticos e demonstram que a população soube se valer dessa oportunidade de lazer em família. “Essa oportunidade inédita foi coroada com sucesso graças à presença maciça da população”, analisou.

Na avaliação do produtor cultural do Projeto, Cumbah Moreno, o Cine Sesi Cultural fechou sua apresentação em Mato Grosso do Sul com chave de ouro. “O público de Costa Rica foi muito receptivo, assim como aconteceu nas outras 13 cidades beneficiadas pelo Projeto. Apesar das chuvas que atrapalharam um pouco as exibições dos filmes, podemos afirmar que em todas as cidades as pessoas ficaram maravilhadas com a oportunidade e também agradecidas pela oportunidade de assistir cinema na rua”, analisou.
No caso de Costa Rica, que já teve uma sala de cinema até meados de 1985, os moradores mais antigos estavam com saudades de assistir filmes na telona. “O cinema ficava no antigo prédio do Banco do Brasil e a tela era pequena em preto e branco, sendo que cheguei a assistir vários filmes lá.

Lembro-me que assisti o lançamento do filme King Kong com minha esposa que nunca tinha ido ao cinema. Infelizmente o cinema só durou dois anos. Hoje, estar recebendo esse Projeto em nossa cidade é sem dúvidas um grande privilegio e não posso deixar de destacar que a tela é pelo menos duas vezes maior que a que nos tínhamos aqui”, enfatizou o professor Jonas de Oliveira Santos, 61 anos.

“Essa é a primeira vez que venho ao cinema, eu nunca vi uma tela tão grande, tudo bem que nunca fui ao cinema, mas não esperava que a tela fosse tão grande assim. Estou me divertindo muito”, declarou a estudante Amanda Machado, 16 anos, ela estava acompanhada do namorado Alexandre Vicente, 23 anos, que já teve a oportunidade de ir ao cinema quando esteve em Campo Grande, mas, diferente do Cine Sesi Cultural, teve de pagar pela pipoca.
Parceiros.

Para o prefeito de Costa Rica, Jesus Queiroz Baird, que acompanhou as exibições acompanhado pelo vice-prefeito Waldomiro Bocalan e secretariado municipal, o Cine Sesi Cultural foi muito importante para a cidade, não só pelo aspecto cultural e de diversão que levou à população, mas também por reviver e ensinar aos jovens o que é cinema e o seu glamour.

“Costa Rica foi privilegiada na gestão do Sérgio Longen, primeiro com a Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi e agora com o Cine Sesi Cultural. É muito importante que fortalecemos cada vez mais essa parceria, pois nesses dois anos que estou à frente da Prefeitura a Fiems foi muito presente”, disse, completando que o presidente da entidade tem demonstrado ser um amigo de Costa Rica.

De acordo com o prefeito de Chapadão do Sul, Jocelito Krug, o Projeto levou cultura, entretenimento e lazer à população da cidade e tudo de forma gratuita. “Trazer o Projeto Cine Sesi Cultural para a cidade foi uma grande conquista, uma vez que se trata de um projeto nacional e em Mato Grosso do Sul apenas 14 cidades foram contempladas”, lembrou, reforçando que a Fiems tem sido uma grande parceira de Chapadão do Sul com a construção da Biblioteca da Indústria do Conhecimento e agora com o Cine Sesi Cultural.

Na avaliação do prefeito de Terenos, Beto Pereira, foi uma honra para a cidade ter sido escolhida como a primeira do Estado a receber o Cine Sesi Cultural. “Só podemos agradecer ao presidente da Sérgio Longen por essa ação muito bonita, pois, muitas vezes, as pessoas pensam que a Fiems não realiza ações de cidadania, mas o Cine Sesi demonstra que isso não é verdade. Esse projeto trouxe mais cultura e qualidade de vida para a nossa população. Em nome da Câmara Municipal e da população de Terenos só temos a agradecer ao Sistema Fiems pela iniciativa louvável de trazer cinema de graça para a nossa cidade”, discursou.

Segundo o prefeito de Miranda, Neder Vedovato, a iniciativa do Sesi provocou um surpreendente movimento na cidade. “Nosso município já teve cinema há muito tempo. Nos sentimos gratos ao Sesi e à Fiems por termos sido contemplados com essa iniciativa, que une a população proporcionando cultura para o nosso povo”, declarou.

Já o prefeito de Ladário, José Antônio Assad e Faria, ressaltou que a parceria com o Sistema Fiems proporciona, além da qualificação profissional para a região, o acesso à cultura, esporte e lazer, como pontos de melhoria da qualidade de vida. “O Sistema Fiems representa um avanço para o nosso município e fazemos questão de fortalecer essa parceria com a inclusão da cidade no Cine Sesi Cultural”, declarou

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campanha carnaval sem assédio reforça: “Na boa pode, à força não”
folião

Campanha carnaval sem assédio reforça: “Na boa pode, à força não”

23/02/2020 08:28
Campanha carnaval sem assédio reforça: “Na boa pode, à força não”
Combate ao abuso sexual na infância começa em casa, diz delegada
alerta

Combate ao abuso sexual na infância começa em casa, diz delegada

23/02/2020 08:25
Combate ao abuso sexual na infância começa em casa, diz delegada
Homem é executado com vários tiros na Vila Erondina
Dourados

Homem é executado com vários tiros na Vila Erondina

22/02/2020 21:31
Homem é executado com vários tiros na Vila Erondina
Filha de vereador é detida ao ameaçar policiais durante blitiz
Campo Grande

Filha de vereador é detida ao ameaçar policiais durante blitiz

22/02/2020 18:37
Filha de vereador é detida ao ameaçar policiais durante blitiz
Operação prende 10 pessoas que podem estar ligadas a morte de jornalista na fronteira
léo veras

Operação prende 10 pessoas que podem estar ligadas a morte de jornalista na fronteira

22/02/2020 07:37
Operação prende 10 pessoas que podem estar ligadas a morte de jornalista na fronteira
Últimas Notícias