Dourados – MS sexta, 10 de julho de 2020
Dourados
26º max
10º min
Cidades

Comarca de Jardim recebe Justiça Itinerante no dia 20

15 Fev 2016 - 09h53
Justiça Itinerante vai atender população em Jardim no dia 20 durante Caravana da Saúde. - Crédito: Foto: TJMSJustiça Itinerante vai atender população em Jardim no dia 20 durante Caravana da Saúde. - Crédito: Foto: TJMS
Depois do enorme sucesso da Justiça Itinerante nas comarcas do interior no ano passado, o serviço continua em 2016 com muito atendimento à população. Desta vez, a Comarca de Jardim sediará no dia 20 de fevereiro mais um atendimento dentro da Caravana da Saúde do Governo do Estado. A população das cidades vizinhas de Guia Lopes, Bonito, Nioaque, Bela Vista e outras está convidada para participar e receber orientação jurídica e serviços judiciais de modo ágil e de qualidade, tudo de forma gratuita.


O atendimento começa a partir das 7 horas do sábado (20) e vai até às 17 horas. Por isto, é importante chegar cedo e munido dos documentos necessários, além de trazer as testemunhas para os casos em que é solicitado.


Como em todas as outras edições da Justiça Itinerante no interior, a conversão de união estável em casamento é, sem dúvida, o serviço mais procurado. Para realizar o casamento, o casal deve levar documentos pessoais, como RG e CPF, duas testemunhas, com documentação pessoal, e que conheçam da convivência do casal, mas que não sejam seus parentes. Se o casal nunca se casou antes, deve levar certidão de nascimento. Se forem divorciados, levar certidão de casamento, com averbação do divórcio. Se forem viúvos, levar certidão de casamento com a certidão de óbito do (a) esposo (a) falecido (a), e a cópia do inventário ou formal de partilha.
Os que desejam se casar não precisam fazer agendamento, basta chegar cedo ao local de atendimento. E não se esqueça, para o reconhecimento de união estável e sua conversão em casamento, o casal já deve morar

junto como se casados fossem. Também são oferecidos os serviços de divórcio direto, conversão de separação em divórcio, pedido e execução de alimentos, reconhecimento, investigação e exoneração de paternidade, guarda, cobranças, entre outros serviços de causas cíveis, de menor complexidade, cujo valor não exceda 40 salários-mínimos.


Além dessas modalidades de ação, também é possível pedir informações e esclarecimentos ou buscar outros serviços disponibilizados pelo Poder Judiciário.


Então aproveite a oportunidade em que a justiça vai até o cidadão. Todos os serviços são gratuitos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Câmara e PreviD definem data de audiência pública que debaterá suspensão dos débitos previdenciários no município
Cidades

Câmara e PreviD definem data de audiência pública que debaterá suspensão dos débitos previdenciários no município

10/07/2020 13:08
Câmara e PreviD definem data de audiência pública que debaterá suspensão dos débitos previdenciários no município
Durante sessão ordinária, vereadora se posiciona a favor da reabertura das igrejas e do “kit Covid-19”
Dourados

Durante sessão ordinária, vereadora se posiciona a favor da reabertura das igrejas e do “kit Covid-19”

10/07/2020 12:39
Durante sessão ordinária, vereadora se posiciona a favor da reabertura das igrejas e do “kit Covid-19”
Dia 15 será paga primeira parcela do 13º salário dos funcionários públicos municipais de Dourados
Dourados

Dia 15 será paga primeira parcela do 13º salário dos funcionários públicos municipais de Dourados

10/07/2020 12:11
Dia 15 será paga primeira parcela do 13º salário dos funcionários públicos municipais de Dourados
JUSTIÇA

Mantida condenação de dono de animal que causou acidente com morte

10/07/2020 09:02
Como fica o tempo no fim de semana em Mato Grosso do Sul?
TEMPO

Como fica o tempo no fim de semana em Mato Grosso do Sul?

10/07/2020 07:01
Como fica o tempo no fim de semana em Mato Grosso do Sul?
Últimas Notícias