Dourados – MS domingo, 25 de outubro de 2020
Dourados
32º max
21º min
Influx
Cidades

Cobrança do Funrural é inconstitucional

01 Jun 2011 - 22h37
Campo Grande - A Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul) obteve sentença favorável na ação de declaração de inconstitucionalidade da cobrança da contribuição previdenciária, mais conhecida como Funrural. A sentença foi publicada na segunda-feira (30) pela juíza Janete Lima Miguel, da 2ª Vara da Justiça Federal, e contempla todos os cerca de 20 mil produtores rurais do Estado enquadrados no sistema sindical.

A sentença significa uma vitória importante tendo em vista que reflete o entendimento do Supremo Tribunal Federal sobre o tema. Exemplo disso é que o frigorífico Mataboi, de Minas Gerais, obteve no STF decisão unânime na declaração de inconstitucionalidade do tributo no ano passado. Apesar de ser uma deliberação referente a uma empresa em particular, entendimentos do STF normalmente servem de parâmetro para as decisões nas instâncias inferiores.

As decisões da Justiça consideram inconstitucional a contribuição previdenciária sobre a receita bruta decorrente da comercialização de produtos rurais. O presidente da Famasul, Eduardo Riedel, comemorou a sentença. “A decisão beneficia agricultores e pecuaristas do Estado. É uma vitória contra o peso abusivo da carga tributária que onera e prejudica a atividade do setor em Mato Grosso do Sul”, enfatizou.

Ainda que uma vitória, a sentença ainda pode ser objeto de recurso e provavelmente o será, segundo o assessor jurídico da Famasul, Carlo Daniel Coldibelli Francisco. Por isso, a orientação é de que o pagamento do Funrural não seja suspenso, mas depositado em juízo. “A rigor, a contribuição só vai realmente ser considerada inconstitucional quando os recursos se esgotarem. Por essa razão, o indicado é que os depósitos sejam feitos em juízo até a decisão final do processo”, orientou. O assessor enfatiza ainda que a sentença não contempla pedidos de restituição, os quais devem ser solicitados individualmente.

Senar

Contudo, é importante esclarecer que a contribuição devida ao Senar, que é recolhida na mesma operação e mesma guia do “Funrural” (Contribuição Previdenciária), não foi alvo de contestação no processo da Federação e permanece sendo devida com base nas regras previstas em lei.


A contribuição devida ao Senar é de 0,2% para produtores pessoas físicas e 0,25% para produtores pessoas jurídicas, incidindo sobre o valor bruto da comercialização da produção rural. Ela pode ser recolhida em separado da contribuição ao “Funrural”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Adolescente acusada de furto em loja de calçados será indenizada
Indenização

Adolescente acusada de furto em loja de calçados será indenizada

23/10/2020 17:45
Adolescente acusada de furto em loja de calçados será indenizada
Senadora Simone Tebet visita Ampasul e se diz confiante na continuação do Convênio ICMS 100
MS

Senadora Simone Tebet visita Ampasul e se diz confiante na continuação do Convênio ICMS 100

23/10/2020 17:23
Senadora Simone Tebet visita Ampasul e se diz confiante na continuação do Convênio ICMS 100
Homem morre após bater motocicleta na traseira de carro em rodovia de MS
MS

Homem morre após bater motocicleta na traseira de carro em rodovia de MS

23/10/2020 17:02
Homem morre após bater motocicleta na traseira de carro em rodovia de MS
Ex-namorado ameaça divulgar fotos íntimas de mulher nas redes sociais após término de namoro em MS
Campo Grande

Ex-namorado ameaça divulgar fotos íntimas de mulher nas redes sociais após término de namoro em MS

23/10/2020 16:47
Ex-namorado ameaça divulgar fotos íntimas de mulher nas redes sociais após término de namoro em MS
1º Fempop, em 1978, revelou talentos e deixou saudades
Cultura

1º Fempop, em 1978, revelou talentos e deixou saudades

23/10/2020 14:06
1º Fempop, em 1978, revelou talentos e deixou saudades
Últimas Notícias