Dourados – MS quinta, 17 de junho de 2021
Dourados
21º max
15º min
Ponta Porã

Castelinho deve ser transformado em Espaço Cultural e Museu

12 Mai 2016 - 06h00
Audiência Pública coletou propostas para destino do castelinho de Ponta Porã. - Crédito: Foto: DivulgaçãoAudiência Pública coletou propostas para destino do castelinho de Ponta Porã. - Crédito: Foto: Divulgação
A Audiência Pública do Castelinho realizada pela Secretaria de Estado de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação de Mato Grosso do Sul, na terça-feira no Anfiteatro da Câmara Municipal de Ponta Porã, norteou as próximas etapas para restauro do prédio histórico, tido como um dos dez mais representativos de Mato Grosso do Sul.


A audiência pública contou com um público formado por representantes de entidades culturais e instituições de ensino, além de artistas e entusiastas da arte, cultura e história da fronteira entre Ponta Porã (BR) e Pedro Juan Caballero (PY).


O prefeito de Ponta Porã Ludimar Novais (PDT) fez a abertura oficial da audiência pública, enaltecendo a importância do resgate histórico do Castelinho, como forma de preservar a memória cultural da fronteira.


"O Castelinho faz parte da nossa história, muitos fatos marcantes e acontecimentos ocorreram nesse prédio histórico.O restauro do castelinho é um anseio e desejo da nossa população.Disse recentemente ao Governador Reinaldo Azambuja, que a reforma e restauro deste prédio histórico seria um marco em sua gestão" disse Ludimar que confirmou a parceria da Prefeitura de Ponta Porã, na efetiva participação de restauro e revitalização do Castelinho.


O secretário de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação de Mato Grosso do Sul, Athayde Nery, presidiu a audiência pública afirmando que é uma das etapas previstas no processo para restauro do Castelinho.


"Estamos satisfeitos com a audiência pública do Castelinho, ocorrida em Ponta Porã.O nível do debate demonstra a preocupação responsável dos diversos segmentos da sociedade civil organizada, com esse importante símbolo histórico de Mato Grosso do Sul" frisou Athayde, ressaltando que "ouvir a população é essencial, para que a etapa de restauro possa atender o desejo da comunidade local e possamos realizar um trabalho transparente de democrático".


Em seguida o representante do IPHAN-Instiuto de Patrimônio Histórico e Artistico Nacional, João dos Santos, apresentou as principais características de um prédio histórico, como é feito a avaliação para o restauro e a importância da manutenção das características do castelinho, sua estrutura original, bem como a finalidade de sua existência ao longo da história.


Na oportunidade o professor Yhulds Bueno, entusiasta da história do Castelinho fez uma breve explanação "Linha do Tempo" tratando da origem, período e principais características do prédio histórico, sua utilização e função na década de 30.


O promotor de Justiça Gabriel da Costa Rodrigues Alves, disse que a intervenção do Ministério Público Estadual para recuperação do prédio histórico, é uma forma de colocar em prática a preservação da memória histórica e cultural de Ponta Porã.


"A fronteira possui uma magia que fascina, pela sua rica diversidade cultural, possui fatos históricos marcantes que é preciso estar atento para observar esses valores.O Castelinho faz parte desta história, temos o dever e a obrigação de preservar tudo que enaltece a formação desta comunidade.A audiência pública é uma das etapas previstas para legitimar sua restauração e estamos atentos no prazo de ações para inicio e entrega do prédio histórico para população" lembrou Gabriel.


Diversos artistas, professores e entusiastas pela restauração do Castelinho, apresentaram propostas para o destino e utilização do prédio histórico.


O vereador Marcelino Nunes criador da Lei Municipal de Preservação do Patrimônio Público, sugeriu que o prédio possa ser transformado em Museu Histórico da Fronteira, com objetos, materiais e fotos que relembrem a formação sócio-cultural de Ponta Porã.


O presidente do Convention Visitors & Bureau de Ponta Porã, Anderson Carpes sugeriu que o Castelinho seja transformado em Guarda Municipal Mirim hoje sem sede própria, que serviria para formação cidadã das crianças e jovens da fronteira.


O produtor cultural e músico, João Caetano, defendeu a transformação do castelinho em um espaço cultural, com diversas intervenções artísticas e também uma parte destinado a um museu que retrate a história da fronteira.


A presidente da Fundação da Cultura de Ponta Porã Gisele Benites Flor, disse que a entrega do Castelinho restaurado já é uma grande conquista, mas que o destino deve enquanto museu ou espaço cultural, possa ser algo que a população utilize de forma diária, com constante atividades e com profissionais capacitados para manutenção do prédio histórico e suas funções.


No encerramento da audiência pública ficou definido que o IPHAN será responsável por toda parte técnica para o restauro do Castelinho, obedecendo os prazos especificados pelo Ministério Público Estadual.


"A audiência pública legitima o destino após a restauração do castelinho. Estaremos avaliando as propostas e as próximas etapas visa a busca de recursos para realização do restauro, é importante que Ponta Porã também possa inserir em sua Lei Orçamentária recursos para esse fim e o Governo do estado também estará prevendo em sua LDO" afirmou Athayde Nery.


As diversas propostas apresentadas durante a audiência pública sinalizou para restauro do Castelinho com destino na transformação em espaço cultural e museu municipal de Ponta Porã.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
Cidades

Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai

há 59 minutos atrás
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
Permanente, Mais Social tem foco em famílias em vulnerabilidade social
Cidades

Permanente, Mais Social tem foco em famílias em vulnerabilidade social

17/06/2021 15:00
Permanente, Mais Social tem foco em famílias em vulnerabilidade social
Clima

Inverno no Hemisfério Sul começa no dia 21 de junho

17/06/2021 12:00
Operação de combate a Abigeato prende três pessoas em Aparecida do Taboado
Cidades

Operação de combate a Abigeato prende três pessoas em Aparecida do Taboado

17/06/2021 11:30
Operação de combate a Abigeato prende três pessoas em Aparecida do Taboado
Obras de revitalização do aeroporto municipal já começaram em Dourados
Infraestrutura

Obras de revitalização do aeroporto municipal já começaram em Dourados

17/06/2021 08:00
Obras de revitalização do aeroporto municipal já começaram em Dourados
Últimas Notícias