Dourados – MS sábado, 22 de junho de 2024
20º
Meu Detran
Avanço

Novas tecnologias digitais aumentam produtividade de empresas

09 Dez 2019 - 08h29
Indústria 4.0 é um termo recente que explica a aplicação das novas tecnologias nos principais processos industriais - Crédito: Governo do Espírito Santo/DivulgaçãoIndústria 4.0 é um termo recente que explica a aplicação das novas tecnologias nos principais processos industriais - Crédito: Governo do Espírito Santo/Divulgação

Há ainda a Biologia Sintética (convergência de novos desenvolvimentos tecnológicos nas áreas de química, biologia, ciência da computação e engenharia, permitindo o projeto e construção de novas partes biológicas); e Sistemas Ciber-Físicos (sintetizam a fusão entre o mundo físico e digital, com todo objeto físico e os processos físicos que ocorrem, em função desse objeto, digitalizados). 

“O objetivo do Senai com a experiência-piloto, chamada de Indústria mais Avançada, é refinar um método de baixo custo, alto impacto e de rápida implementação, que ajude as empresas brasileiras a se inserirem na 4ª Revolução Industrial. A iniciativa do Senai prova que a Indústria 4.0 é para todos: qualquer tipo de empresa, em qualquer estado do Brasil. O resultado nacional é relevante, e, principalmente, houve ganhos significativos para todas as empresas atendidas”, disse o diretor-geral do Senai, Rafael Lucchesi. 

Segundo o Senai, os pilotos foram realizados entre maio de 2018 e outubro deste ano, em empresas dos segmentos de alimentos e bebidas, metalmecânica, moveleiro, vestuário e valçados. Foram instalados sensores para coletar dados, e as informações foram transmitidas para uma plataforma que acompanha em tempo real o desempenho da linha de produção, podendo ter maior controle dos indicadores do processo e antecipar-se a possíveis problemas.

“As empresas que obtiveram maiores ganhos com as tecnologias digitais foram aquelas que utilizavam menos técnicas de gerenciamento da produção antes de participar do programa. A técnica nova, ao ser introduzida em uma empresa que utiliza poucos métodos de gestão, proporciona ganho maior em produtividade”, disse o gerente executivo de Inovação e Tecnologia do Senai, Marcelo Prim.

De acordo com o Senai, a análise mostrou ainda que a percepção do ganho obtido com a tecnologia é muito afetada pelo porte da empresa. As médias e grandes empresas tendem a investir em tecnologias da Indústria 4.0 para dar continuidade aos esforços de aumento de produtividade. Os micro e pequenos empresários valorizam mais a agilidade permitida pelo sistema. 

“O sistema permite aprender com o processo produtivo, diminuindo o tempo de resposta, tornando-o mais ágil e previsível. Garantir que aquilo que o empresário planejou será entregue nos prazos que ele combinou com o mercado traz um nível de competitividade maior para a pequena empresa, e ela consegue se inserir mais facilmente nas cadeias de valor”, explicou Prim. 

Entre as recomendações para aderir à indústria 4.0 estão enxugar processos, qualificar trabalhadores, empregar tecnologias disponíveis e de baixo custo, investir em pesquisa. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fachin vota para reconhecer que escolas devem combater discriminações
Justiça

Fachin vota para reconhecer que escolas devem combater discriminações

21/06/2024 22:15
Fachin vota para reconhecer que escolas devem combater discriminações
STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS
Justiça

STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS

21/06/2024 21:30
STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS
Dona Celeste, mãe de Pelé, morre aos 101 anos de idade
Santos

Dona Celeste, mãe de Pelé, morre aos 101 anos de idade

21/06/2024 20:30
Dona Celeste, mãe de Pelé, morre aos 101 anos de idade
Celular Seguro recebe 57,8 mil alertas de bloqueio em 6 meses
Aplicativo

Celular Seguro recebe 57,8 mil alertas de bloqueio em 6 meses

21/06/2024 20:00
Celular Seguro recebe 57,8 mil alertas de bloqueio em 6 meses
8/1: Moraes vota para condenar réu que destruiu relógio a 17 anos
Justiça

8/1: Moraes vota para condenar réu que destruiu relógio a 17 anos

21/06/2024 19:15
8/1: Moraes vota para condenar réu que destruiu relógio a 17 anos
Últimas Notícias