Dourados – MS segunda, 19 de novembro de 2018
Anuncie aqui
Anuncie aqui
H1N1

Gripe já matou mais de 200 pessoas desde início do ano em SP

30 Jun 2018 - 10h10
A gripe já causou a morte de pelo menos 206 pessoas desde o início deste ano no Estado de São Paulo. O número, divulgado na sexta, 29, pelo Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria da Saúde, já supera os 200 óbitos registrados em todo o ano passado. O número de casos confirmados este ano - 1.184 - também superou os 1.021 de 2017. Em duas semanas, conforme os boletins da Vigilância, foram registrados 343 novos casos e 60 mortes em todo o Estado paulista. A maior letalidade é do vírus influenza A (H1N1), com 135 mortes em 699 casos confirmados. A gripe A (H3N2) causou 31 mortes em 200 casos, e a gripe A não subtipada resultou em 29 óbitos em 216 casos. Por fim, a influenza B provocou 11 mortos em 69 casos Segundo os dados da Vigilância, 52% dos óbitos foram de mulheres. As mortes por gripe acontecem em todas as regiões do Estado. Nesta sexta, 29, foi confirmado o primeiro óbito do ano em Atibaia - um homem de 45 anos, que não tinha tomado a vacina, foi vítima do H1N1. Anteontem foram confirmadas as primeiras mortes nas cidades de Araçatuba e Lençóis Paulista. Na primeira cidade, a vítima foi um homem de 46 anos. Em Lençóis, morreu uma mulher de 43 anos. As duas mortes foram causadas pelo vírus H1N1 Febre amarela. A partir de segunda-feira, a Secretaria Municipal da Saúde intensificará a campanha de vacinação contra a febre amarela em todas as 466 unidades básicas de saúde (UBS) do Município. Segundo a pasta, o objetivo é incentivar a procura, que continua baixa, apesar das várias campanhas. Até quinta, 29, 6,6 milhões de pessoas procuraram as unidades da cidade para receber a vacina que protege contra febre amarela, o que representa cobertura de 57%. O número está abaixo da meta de vacinar 95% do público-alvo, avaliado como o ideal pela Prefeitura. Em 2018, cerca de 8 milhões de pessoas em todo o Estado foram vacinadas contra a febre amarela. O número ultrapassa a marca de 2017, quando 7,4 milhões de doses foram aplicadas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cuba decide retirar profissionais de programa Mais Médicos no Brasil
Mais médicos

Cuba decide retirar profissionais de programa Mais Médicos no Brasil

14/11/2018 13:00
Cuba decide retirar profissionais de programa Mais Médicos no Brasil
Brasil gasta R$ 3,48 por dia com a saúde de cada habitante, diz CFM
Saúde

Brasil gasta R$ 3,48 por dia com a saúde de cada habitante, diz CFM

13/11/2018 16:00
Brasil gasta R$ 3,48 por dia com a saúde de cada habitante, diz CFM
Prefeitura cede espaço para instalação de unidade do ‘Hospital de Amor’
Hospital do Amor

Prefeitura cede espaço para instalação de unidade do ‘Hospital de Amor’

12/11/2018 16:00
Prefeitura cede espaço para instalação de unidade do ‘Hospital de Amor’
Campanha na UPA cadastra mais 33 doadores de medula óssea
Saúde

Campanha na UPA cadastra mais 33 doadores de medula óssea

12/11/2018 13:33
Campanha na UPA cadastra mais 33 doadores de medula óssea
Ministério pede imunização contra febre amarela antes do verão
Vacinação

Ministério pede imunização contra febre amarela antes do verão

12/11/2018 13:05
Ministério pede imunização contra febre amarela antes do verão
Últimas Notícias