Dourados – MS sábado, 22 de setembro de 2018
São Bento Hectares Matérias
São Bento Hectares Mobile Matérias
Repercussão

Temer, presidenciáveis e imprensa internacional repercutem ataque a Bolsonaro

Jair Bolsonaro foi esfaqueado durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), na tarde desta quinta-feira (6)

06 Set 2018 - 17h39Por Da Redação, com o G1

O presidente da República, Michel Temer, os candidatos à Presidência concorrentes e a imprensa internacional repercutiram o atentado ao candidato Jair Bolsonaro ocorrido durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), na tarde desta quinta-feira (6).

“Isto revela algo que nós devemos nos conscientizar porque é intolerável exatamente a intolerância que tem havido na sociedade brasileira. É intolerável que as pessoas falseiem dados durante campanha eleitoral. É intolerável que nós vivamos num estado democrático de direito que não haja possibilidade de uma campanha tranquila, de uma campanha em que as pessoas vão e apresentem os seus projetos, porque ninguém vota em candidato”, declarou Temer durante cerimônia no Palácio do Planalto.

Segundo Temer, o episódio é “triste” e “lamentável”. “Se Deus quiser o candidato Bolsonaro passará bem, temos certeza que não haverá nada mais grave, esperamos que não haja nada mais grave”.

Presidenciáveis

Veja a repercussão do caso:

O candidato Alvaro Dias disse: “Sobre o episódio da facada no candidato Jair Bolsonaro, quero afirmar aqui que repudio todo e qualquer ato de violência. Por isso a violência nunca deve ser estimulada. Eu não estimulo”.

Ciro Gomes tuitou: “Acabo de ser informado em Caruaru, Pernambuco, onde estou, que o Deputado Jair Bolsonaro sofreu um ferimento a faca. Repudio a violência como linguagem politica, solidarizo-me com meu opositor e exijo que as autoridades identifiquem e punam o ou os responsáveis por esta barbárie”.

O candidato do PT, Fernando Haddad, publicou: “Repudio totalmente qualquer ato de violência e desejo pronto restabelecimento a Jair Bolsonaro”.

O tucano Geraldo Alckmin também se manifestou: “Política se faz com diálogo e convencimento, jamais com ódio. Qualquer ato de violência é deplorável. Esperamos que a investigação sobre o ataque ao deputado Jair Bolsonaro seja rápida, e a punição, exemplar”.

Guilherme Boulos, do PSOL, divulgou: “Soube agora do que ocorreu com Bolsonaro em Minas. A violência não se justifica, não pode tomar o lugar do debate político. Repudiamos toda e qualquer ação de ódio e cobramos investigação sobre o fato”.

Henrique Meirelles também foi solicito: “Desejo pronta recuperação a Jair Bolsonaro. Lamento todo e qualquer tipo de violência. O Brasil precisa encontrar o equilíbrio e o caminho da paz. Temos que ter serenidade para apaziguar a divisão entre os brasileiros”.

O candidato João Amoêdo também lamentou: “É lamentável e inaceitável o que aconteceu com o Jair Bolsonaro. Independentemente de divergências políticas, não é possível aceitar nenhum ato de violência. Que o agressor sofra as devidas punições. Meus votos de melhoras para o candidato”.

A candidata Marina Silva declarou: “A violência contra o candidato Jair Bolsonaro é inadmissível e configura um duplo atentado: contra sua integridade física e contra a democracia”.

Imprensa internacional

A imprensa internacional, entre eles os principais jornais pelo mundo, destacaram que o candidato que lidera as mais recentes pesquisas foi atacado durante ato de campanha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Futuro presidente terá de enfrentar financiamento do SUS
Eleições 2018

Futuro presidente terá de enfrentar financiamento do SUS

21/09/2018 11:00
Futuro presidente terá de enfrentar financiamento do SUS
Facebook cria 'sala de guerra' para monitorar interferências nas eleições de Brasil e EUA
Eleições 2018

Facebook cria 'sala de guerra' para monitorar interferências nas eleições de Brasil e EUA

20/09/2018 15:30
Facebook cria 'sala de guerra' para monitorar interferências nas eleições de Brasil e EUA
Mais de 10,6 mil brasileiros vão votar em cédula de papel no exterior
CÉDULAS DE PAPEL

Mais de 10,6 mil brasileiros vão votar em cédula de papel no exterior

20/09/2018 10:30
Mais de 10,6 mil brasileiros vão votar em cédula de papel no exterior
Juiz autoriza laudo de sanidade mental para agressor de Bolsonaro
FACADA

Juiz autoriza laudo de sanidade mental para agressor de Bolsonaro

20/09/2018 09:30
Juiz autoriza laudo de sanidade mental para agressor de Bolsonaro
Ibope: Bolsonaro vai a 28% e Haddad, com salto a 19%, se isola em segundo lugar
Eleições 2018

Ibope: Bolsonaro vai a 28% e Haddad, com salto a 19%, se isola em segundo lugar

19/09/2018 08:10
Ibope: Bolsonaro vai a 28% e Haddad, com salto a 19%, se isola em segundo lugar
Últimas Notícias