Acidentes matam dois em Dourados

Uma das vítimas foi atropelada, enquanto a outra sofreu uma queda e bateu a cabeça no asfalto


Colisão matou condutor de caminhonete na BR 163 em Dourados (Foto: Cido Costa ) Colisão matou condutor de caminhonete na BR 163 em Dourados (Foto: Cido Costa )

POLÍCIA ABRIU INQUÉRITO PARA APURAR AS MORTES EM DOURADOS ".

DOURADOS – Acidentes registrados na noite da última sexta-feira mataram duas pessoas em Dourados. O primeiro aconteceu por volta das 22h, na BR 163 entre Dourados e Caarapó.

Elvio Clagam Morassuti, 20 anos, residente em uma fazenda em Nova América, conduzia uma caminhonete Mitsubishi L-200, placas HSI 2123 de Dourados, quando por volta das 22h bateu na traseira de um caminhão Chevrolete C60, placas HIS 1073 de Juti, carregada de soja.

O motorista Irineu Ferreira Torres, 39 anos, foi conduzido para a delegacia e prestou depoimento. Ele disse que tinha acabado de deixar um armazém na rodovia quando sentiu um forte impacto na traseira do caminhão. Ao verificar, viu que era uma batida e o jovem se encontrava morto dentro do carro. Viaturas do Corpo de Bombeiros de Dourados prestaram socorro, mas não houve tempo de salvar Elvio.

O segundo acidente vitimou Edson Alves Espíndola, 35 anos, que residia na Vila Cachoeirinha. Ele morreu no último sábado no Hospital da Vida após sofrer uma queda de bicicleta. Segundo o pai dele, Benedito Batista Espíndola, 59 anos, na sexta-feira por volta das 18h30, o filho trafegava pela Rua Rui Barbosa, entre as ruas José Ademar Perdomo e Apeninos, no Jardim Itália, quando Edson sofreu uma queda e bateu a cabeça no asfalto e teria sofrido traumatismo grave.

Edson foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu e morreu ontem de manhã, por volta das 11h.

BR 163

Gioney Roberto Gomes de Araújo, 24 anos, não resistiu aos ferimentos que teve após um acidente no final da noite de sábado e morreu na madrugada de ontem na Santa Casa de Campo Grande.

Segundo informações do boletim de ocorrência, registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro da Capital, o primo da vítima relatou que Gioney conduzia uma moto na BR-163 e no trecho entre Coxim e Rio Verde bateu em um veículo.

O motociclista foi socorrido e levado até um hospital em Rio Verde, que fica a 207 quilômetros de Campo Grande e em seguida transferido á Santa Casa, onde morreu às 4h50 de hoje.

O caso foi registrado como homicídio culposo e será encaminhado à Delegacia de Polícia de Coxim, que deve investigar o caso.


Comentários

 
 
 
 
 
 
 
Imóveis Apartamentos Veículos e Utilitários Importados Motos Diversos Telefones Empregos e Oportunidades