Dourados – MS sábado, 17 de novembro de 2018
Anuncie aqui
Anuncie aqui
MUNDO

Câmara argentina aprova projeto que descriminaliza o aborto

14 Jun 2018 - 09h33
A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou hoje (14) por 129 votos a favor, 125 contra e 1 abstenção o projeto de lei que descriminaliza o aborto, em uma sessão histórica que durou cerca de 22 horas e meia. De acordo com o projeto, o aborto poderá ser feito até 14 semanas de gestação. Depois deste prazo, a interrupção da gravidez só poderá ser realizada em casos de estupro, se representar um risco para a vida e a saúde da mãe e também se o feto tiver alguma malformação "incompatível com a vida extrauterina". A votação terminou com aplausos dos deputados que defendiam a interrupção voluntária da gravidez. O texto segue agora para o Senado. Madrugada fria Milhares de argentinos viraram a noite na praça em frente ao Congresso, para acompanhar a votação, na Câmara dos Deputados. Todos estavam preparados para enfrentar o frio de 5 graus: fizeram fogueiras, montaram barracas e dançaram, ao som de tambores, pedindo aos legisladores o direito a um "aborto livre, gratuito e seguro". A sessão começou ontem (13) e, até o fim da noite, havia um empate entre os deputados que discursaram a favor e contra a legalização do aborto. Do lado de fora do Congresso, ativistas dos dois lados ocupavam a praça e defendiam sua posição. Números Segundo as estimativas, 500 mil abortos clandestinos são feitos todos os anos na Argentina. Cerca de 60 mil resultam em complicações e hospitalizações. E muitas mulheres – a maioria pobres ou do interior – morrem por causa de abortos mal feitos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento
Após 1 anos sumido

Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento

há 5 horas atrás
Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento
CIA conclui que príncipe herdeiro saudita mandou matar jornalista, diz jornal
Mundo

CIA conclui que príncipe herdeiro saudita mandou matar jornalista, diz jornal

17/11/2018 09:29
CIA conclui que príncipe herdeiro saudita mandou matar jornalista, diz jornal
Comunidade científica põe fim ao padrão físico do quilograma
Ciência

Comunidade científica põe fim ao padrão físico do quilograma

16/11/2018 16:30
Comunidade científica põe fim ao padrão físico do quilograma
Brasileiro é condenado a prisão perpétua por matar tios e primos na Espanha
Mundo

Brasileiro é condenado a prisão perpétua por matar tios e primos na Espanha

16/11/2018 07:41
Brasileiro é condenado a prisão perpétua por matar tios e primos na Espanha
Número de desaparecidos em pior incêndio da história da Califórnia supera 600
Incêndio na California

Número de desaparecidos em pior incêndio da história da Califórnia supera 600

16/11/2018 07:31
Número de desaparecidos em pior incêndio da história da Califórnia supera 600
Últimas Notícias