13/10/2011 18h50 - Atualizado em 13/10/2011 18h50

Exército deflagra Operação de ‘Guerra’

Em Dourados 885 soldados participam de simulações de combate. 4ª Brigada de Cavalaria tem missão de comando

 
Valéria Araújo
Do Progresso
Soldados em Dourados atuam na simulação da administração de guerra (Foto: Hédio Fazan/OPROGRESSO) Soldados em Dourados atuam na simulação da administração de guerra (Foto: Hédio Fazan/OPROGRESSO)

DOURADOS – O Exército, a Marinha e a Aeronautica defagraram operação de guerra em Mato Grosso do Sul. A “Anhanduí, que vai até 17 deste mês, é exercício militar conjunto reunindo tropas, equipamentos, veículos, embarcações e aeronaves. Tratam-se de simulações de combate com outros países.

Para a Operação, a 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada montou quatro postos de comando, envolvendo ainda a 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira, com sede em Corumbá. Toda a operação é comandada pelo Ministério da Justiça. Saltos de paraquedas, simulações com blindados e de evacuação de refugiados são algumas das atividades. Em Dourados os soldados simulam a administração da guerra.

Durante a operação, serão realizadas diversas demonstrações da capacidade operacional das Forças Armadas em ações de defesa externa. Todas estão sendo acompanhadas por uma comitiva formada por autoridades civis e militares, dentre as quais destaca-se a presença do general-de-Exército José Carlos de Nardi, Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas e antigo Comandante Militar do Oeste.

Em Campo Grande, será simulado um abrigo para vítimas de calamidades. Em Laguna Caarapã, houve ontem uma demonstração de lançamento de militares da Brigada de Infantaria Paraquedista, tropa especial do Exército com sede no Rio de Janeiro.

Hoje, as atividades serão a partir das 8h45, na cidade de Aquidauana. Militares de Engenharia demonstrarão o funcionamento da Ponte LSB (Logistic Support Bridge), usada para auxiliar a Defesa Civil em calamidades públicas, como enchentes. Este equipamento já vem sendo utilizado pelo 9º Batalhão de Engenharia de Combate.

Também hoje no Campo de Instrução de Betione (saída para Bodoquena), haverá uma demonstração de tiro do Carro de Combate M 60, que é um equipamento moderno recentemente disponibilizado para o CMO, com grandes vantagens em relação à proteção blindada e poder de fogo. Essa atividade será realizada entre 10h e 12h.

Como término das ações planejadas para a Operação Anhanduí, será realizada em Forte Coimbra (região de Corumbá), a partir das 14h, uma demonstração de assalto ribeirinho, onde uma tropa embarcada realiza um ataque a partir de um curso de água.

De acordo com o tenente coronel André Barros, da Brigada Guaicurús em Dourados, o treinamento é de fundamenta importância para manter as tropas treinadas diante de qualquer situação em que a Defesa do Brasil precise ser acionada.



Comentários

 
 
 
 
 
 
 
Imóveis Apartamentos Veículos e Utilitários Importados Motos Diversos Telefones Empregos e Oportunidades