Comércio aposta no Dia dos Pais para alavancar vendas em MS

Pesquisa feita pelo Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Fecomércio (IPF) e do Sebrae MS aponta que a data deve movimentar mais de R$ 12 milhões na economia de Dourados

Dourados - 11/08/2017 16h47

 
Vestuário, calçados e perfumes lideram a preferência dos clientes  (Foto: Marcos Ribeiro) Vestuário, calçados e perfumes lideram a preferência dos clientes (Foto: Marcos Ribeiro)

O comércio está investindo tudo para alavancar vendas neste fim de semana, quando se comemora o Dia dos Pais. Pesquisa feita pelo Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Fecomércio (IPF) e do Sebrae MS aponta que a data deve movimentar mais de R$ 12 milhões na economia de Dourados, sendo que 49,60% serão destinados a comemoração (R$ 6,23 milhões) e 50,40% a presentes (R$ 6,33 milhões). Artigos do vestuário, calçados e perfumes lideram a preferência dos clientes entrevistados.

Na comparação ao ano passado, poderá haver uma queda de 3% na receita total gerada pela venda de presentes, isto porque houve uma redução significativa no percentual da população que comprará presentes neste ano. Já o valor médio do presente passou de R$116,00 para R$135,00. Como parcela significativa (86,17%) da população de Dourados realizará a comemoração em casa, há oportunidade de maior dinamismo aos supermercados e similares e, de restaurantes que trabalham com "delivery".

Em todo o Estado, o Dia dos Pais deve movimentar R$ 153,2 milhões na economia de Mato Grosso do Sul.

Procon

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), ligada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), divulgou ontem a pesquisa de itens para presente no Dia dos Pais.

O levantamento inclui 67 itens pesquisados em lojas da Capital e aponta variação de até 79,9% de um local para outro. Os dados foram coletados entre os dias 20 de julho e 1º de agosto em 12 estabelecimentos comerciais da Capital. Confira a pesquisa na íntegra ou no site do Procon, no item Pesquisa de Preços. A cotação do Procon contempla itens como aspiradores de pó automotivos, barbeadores e máquinas de cortar cabelo, churrasqueiras, som para carro, bicicletas, televisões, videogames e celulares, entre outros produtos.

O item com maior diferença de preços entre os estabelecimentos é o aspirador de pó automotivo portátil, com valores que variam 79%, de R$ 38,90 a R$ 69,99. O levantamento inclui lista dos estabelecimentos com mais itens de maior e menor preço. O superintendente do Procon MS, Marcelo Salomão, afirma aos consumidores a importância de sempre pesquisar para presentear com economia.

Segundo Salomão, a pesquisa tem o intuito de servir como referência quanto aos preços de itens que tradicionalmente são mais procurados nessa data comemorativa.