Assistência Social e Saúde debatem atendimento a beneficiários de Bolsa Família

Dourados - 12/09/2017 17h15

Profissionais que atuam na área da Saúde e da Assistência Social em Dourados se reúnem em oficinas intersetoriais para debater como agregar qualidade ao atendimento oferecido à população. O encontro da manhã desta terça-feira (12) foi no Cras (Centro de Referência da Assistência Social) do Parque do Lago II. As oficinas foram iniciadas neste mês e já ocorreram nos Cras do Canaã I, de Vila Vargas e no do jardim Água Boa. Estas acontecerão ainda nos Cras do Cachoeirinha e do Jóquei Clube com foco no melhor atendimento aos beneficiários do programa Bolsa Família em Dourados.

Secretária de Assistência Social, Ledi Ferla ressalta que com a troca de informações entre os profissionais será possível traçar as demandas atuais do público atendido, bem como melhor direcionar a verba do programa em Dourados.

"Com este acompanhamento os perfis são analisados, o trabalho de forma integrada melhor direcionado e ainda teremos um balanço para verificar o correto direcionamento do Bolsa Família, recurso extremamente importante no combate à fome e que precisa ser voltado para famílias que realmente precisam", pontua Ledi.

Os encaminhamentos dos encontros possibilitarão a elaboração de fluxos de atendimento e protocolos das ações assistenciais e a elaboração de fluxos e protocolos para atividades das outras políticas públicas. "O trabalho integrado da Assistência Social, Saúde e Educação é uma das diretrizes da gestão Délia Razuk e irá gerar bons frutos", pontua a secretária.

Dourados possui atualmente 6.739 famílias atendidas pelo programa Bolsa Família e 22.384 famílias cadastradas no CadÚnico, o Cadastro Único.