Asfalto da MS-450, autorizado por Reinaldo Azambuja, atrai novos empreendimentos

Por: ms.gov - 16/08/2017 15h33

Campo Grande (MS) – "Vamos construir aqui uma das estradas ecológicas mais belas do Estado e do País", afirmou o governador Reinaldo Azambuja, ao assinar a ordem de serviço para a implantação de 18,4 km de asfalto da MS-450, a estrada parque que liga os distritos de Palmeiras, em Dois Irmãos do Buriti, e Piraputanga e Camisão, em Aquidauana. A obra esperada há mais de 30 anos vai potencializar o turismo e a economia rural na região.

Com 55 km de extensão, do trevo com a BR-262 ao centro de Aquidauana, a MS-450 é o principal acesso aos distritos, privilegiados pelos recursos naturais situados no entorno dos paredões de arenito da Serra de Maracaju cortados pelo Rio Aquidauana, que dividem planalto e planície. O local é muito visitado por pescadores e amantes de esportes radicais, como trilhas e escaladas, e conta com estrutura de hotéis, pousadas e pesqueiros.

O governador autorizou o início da pavimentação em ato realizado em Piraputanga, durante visita a Aquidauana, na terça-feira, 15, e garantiu sua conclusão em dezembro do próximo ano. Ele percorreu de carro parte do trecho não asfaltado, da cidade ao distrito, e visitou um dos canteiros da obra que está sendo montado pela empreiteira responsável pelo serviço. O Governo do Estado investirá R$ 17,6 milhões (recursos próprios) na execução da obra.

Asfalta atrai empreendimentos

O trade turístico, o comércio e os produtores rurais da região comemoraram a chegada da infraestrutura viária. Para o dono do Restaurante Pita, de Piraputanga, Ademar Cassaro, 48, o asfalto "é uma grande conquista" e impulsionará a economia, principalmente o turismo. "Estou aqui há 14 anos e nosso sofrimento sempre foi a dificuldade de acesso. Quando não é a poeira e os buracos, o atoleiro quando chove", diz. "A gente agradece muito ao governador."

Reinaldo: obra emblemática

Durante a cerimônia de início do asfaltamento da MS-450, o governador Reinaldo Azambuja recebeu a cópia de um requerimento apresentado em 1998 pelo então vereador aquidauanense Vitor Macksoud, onde cobrada do Estado a pavimentação da estrada. Presente ao ato, Macksoud quebrou o protocolo para lembrar ao governador da luta da comunidade local pelo benefício. "O senhor prometeu e está realizando nosso sonho", disse o ex-vereador.

Nascido na região, o secretário estadual de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, também ressaltou que o asfalto na estrada ecológica representa, no íntimo, mais do que uma conquista para a região. "O início desse asfalto, em 1994,foi minha primeira obra como engenheiro, aos 23 anos, e deixei a cidade frustrado porque não foi concluída. Mas agora, 23 anos depois, como secretário do nosso governo, assino a nova ordem de serviço. É um presente de Deus", frisou.

ambém morador do distrito, o vereador e presidente do Conselho Municipal de Turismo de Aquidauana, Youssef Saliba, vislumbra um novo momento para o desenvolvimento dos distritos, que já atraem milhares de turistas pelas suas belezas cênicas. "Esta obra do governador Reinaldo Azambuja, tão esperada pela comunidade, é um marco, e já desperta o interesse de empresários de fora em investir na rede hoteleira", contou.

Saliba disse que o conselho, articulado com a prefeitura, está planejando novos cursos de qualificação de mão de obra em hotelaria, atendimento e outros serviços para suprir demandas futuras com a chegada desses investimentos privados. "Iniciamos também a catalogação dos locais de visitação, como passeios e trilhas, incluindo pontos onde as condições de trafegabilidade da estrada impediam a garantia de acesso", explicou.

O governador Reinaldo Azambuja considera a pavimentação dos 18,4 km da MS-450 "uma obra emblemática", pela beleza e valor ambiental da estrada turística. Ele disse que o cumprimento de compromissos com a população, ao lançar obras e fazer entregas, mesmo na crise, é resultado da austeridade, planejamento e competência da gestão estadual. "É um governo que gasta menos com o governo para gastar com as pessoas", completou.