Ação social na praça Antônio João marca Dia do Advogado em Dourados

Profissionais foram à praça Antônio João para tirar dúvidas da população, prestar orientações e informações

Por: Da Redação - 11/08/2017 10h22

Profissão defensora da liberdade, da honra, do patrimônio, da dignidade e até mesmo, muitas vezes, da própria vida das pessoas, a advocacia é a voz do cidadão em juízo e tem como uma de suas missões fundamentais agir para garantir direitos e evitar abusos. Para comemorar o Dia do Advogado, celebrado nesta sexta-feira (11), a 4ª Subseção da OAB de Dourados promove até às 12 horas ação social na praça Antônio João.

Durante todo o período da manhã, a diretoria, o Conselho e as Comissões fazem um plantão na praça a fim de divulgar a campanha de valorização do advogado, distribuir cartilhas e informativos, como da Criança e Adolescente, Trabalhista, Ambiental, Agosto Lilás. Mais de duas dezenas de advogados estão a disposição da população para tirar dúvidas, prestar orientações e informações. Também é realizado serviços na área da saúde, como aferição de pressão arterial, realizado por equipe de saúde.

Há muito tempo a OAB tem tomado posição firme para garantir que um novo padrão ético e moral sejam estabelecidos no país. Em inúmeros momentos da história brasileira partiu da OAB as propostas que foram capazes de criar, de forma objetiva, soluções e meios para o fortalecimento da democracia. Exemplos claros são a defesa pelo fim das doações ocultas – o que tornou as eleições de 2016 mais propositivas – e do investimento empresarial em campanhas, responsável pelos crimes que se vê em destaque na mídia.

O presidente da 4ª subseção da OAB de Dourados, Fernando Duque Estrada, diz que a OAB é um órgão de classe que não descuida de sua finalidade social. Ontem na praça a categoria esteve presente com campanhas específicas como Agosto Lilás, para chamar atenção para violência contra a mulher. Comissões como do Trabalho, apresentou para população como ficou as leis após a reforma trabalhista, assunto que muito renderá a partir do momento que a lei entrar em vigor, daqui três meses.

A Comissão da Criança e Adolescente distribuiu uma cartilha onde trata de forma lúdica e pedagógica sobre os direitos e deveres dos menores de idade. Segundo Fernando Duque Estrada está sendo programado palestra nas escolas para melhor tratar o tema com os alunos. A OAB de Dourados aproveitou o evento de ontem para chamar a atenção da população sobre a importância do advogado no dia a dia da população. Algumas demandas judiciais que envolvem casos de até 20 salários mínimos dispensam o profissional nas primeiras audiências.

O problema, segundo o presidente da OAB Dourados, é quando a pessoa não tem conhecimento técnico e vai à busca de seus direitos e não consegue consagrá-lo totalmente. E quando aciona um advogado já houve prejuízo e muitas vezes direitos deixados para trás não sendo possível resgatá-los. Isso também ocorre, segundo ele, em casos quando a pessoa pleiteia benefícios previdenciários. "Por isso a importância de se consultar um advogado", finalizou.