CAC: pouco servidor para muita gente

Por: Cícero Faria - 18/01/2018 07h00

Contribuintes que têm procurado a Central de Atendimento ao Cidadão, um setor da Prefeitura de Dourados, tem saído do local falando ‘cobras e lagartos’ pela demora no atendimento. Um cidadão contou ontem ao Informe C" chegou à CAC às 7h30 e somente foi atendido às 9h, ou seja, uma hora e meia de espera. E qualquer solicitação à administração implica ainda no pagamento da "taxa de protocolo" ao redor de R$ 18. Não é de hoje que as filas naquela central causam reclamações. Quando estava sendo feito o Refis das dívidas atrasadas no final do ano, a CAC estava lotada de atendentes, mas passado o período do parcelamento, o número de servidores diminuiu e teriam sido contratados estagiários para atender as pesssoas.

Sem chance

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região não vai ouvir o ex-presidente Lula antes do julgamento de apelação, no 24 de janeiro. Em primeira instância, o político foi condenado a 9 anos e 6 meses por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo da Lava Jato envolvendo o triplex. Os advogados de Lula haviam protocolado dois pedidos para que Lula fosse ouvido antes do julgamento do recurso, um em setembro de 2017 e outro do início de janeiro.

Visita

Uma família de capivaras foi flagrada passeando livremente por um dos corredores do Hospital Universitário da UFMS em Campo Grande. O episódio aconteceu na semana passada, mas as imagens do "passeio" só foram divulgadas agora. As capivaras chegaram até o local após passarem pela cerca que separa o HU de uma mata da região. Com uma porta abertas, elas entraram sem dificuldade. A cerca rompida durante uma reforma, vai receber reparos.

Bolsas

A governadora em exercício Rose Modesto, assinou a autorização para o processo seletivo do programa Vale Universidade. O benefício, que terá inscrições abertas a partir de 15 de fevereiro, será concedido a 550 acadêmicos, sendo 150 bolsas destinadas a indígenas. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado de ontem. Os candidatos selecionados terão 90% do curso subsidiado, sendo 70% pelo governo do Estado e 20% pela instituição de ensino. Além da contrapartida de 10%, o estudante também fará parte de programas de estágio.

Bom de tatame

O novo comandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel Joilson Alves do Amaral é faixa preta em judô – 1º DAM, tricampeão dos jogos acadêmicos das academias de Bombeiros e PM’s do Brasil, campeão estadual de judô, campeão do Centro Oeste e vice-campeão brasileiro de judô. É formado em Arquitetura e Urbanismo pela Uniderp. Ele foi comandante do 2º Grupamento de Bombeiros em Dourados.

Fio da navalha

A situação do vereador Lucas de Lima (SD) será debatida somente quando os trabalhos forem retomados depois do recesso da Câmara de de Campo Grande que volta a ter sessão em seis de fevereiro e, segundo o presidente João Rocha (PSDB), qualquer decisão deve passar pelo plenário. A Câmara não recebeu notificação sobre possível perda de mandado dele. Radialista e ex-sócio de uma pizzaria, Lucas foi condenado em 2012 pela 5ª Vara da Justiça Federal a um ano e quatro meses de prisão, convertidos na prestação de serviços comunitários. O vereador era fiel depositário da Justiça do Trabalho e utilizou bens da pizzaria para quitar dívidas, o que gerou o processo por apropriação indevida. À Justiça, ele confessou ter cometido a infração, mas alegou que não houve dolo. Lucas de Lima foi condenado em todas as instâncias e o caso chegou ao STJ, e sua apelação foi rejeitada em meados de 2017, e publicada em dezembro.

BATE REBATE

● A tarifa de energia elétrica deve permanecer na bandeira verde (sem custo adicional nas contas) até o fim do primeiro trimestre deste ano, ou seja, até março, afirmou o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho.

● "Meu projeto é ir para Brasília", disse a governadora em exercício Rose Modesto (PSDB), carimbando a candidatura a deputada federal esse ano.

● Frase muito atual do discurso do cônsul romano Marco Túlio Cícero, em 63 A.C. nas suas Catilinárias "Até quando, Catilina, abusarás da nossa paciência?"

● O ex-presidente Lula criticou o presidente do TRF4, desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores. "Esse cidadão vai a Brasília pedir proteção da Suprema Corte sem dizer quem está ameaçando. Esse cidadão é bisneto do general Thompson Flores, que invadiu Canudos e matou Antônio Conselheiro. É da mesma linhagem. Quem sabe esteja me vendo como cidadão de Canudos", disse Lula em discurso.

INFORME CURURU

Se até há lavagem até de dinheiro, quem és tu pra não tomar banho?