Colégio Agrícola de Ivinhema é referência em pesquisas

Município incentiva pesquisas desenvolvidas com especialistas da Embrapa, Agraer e Iagro.

 
Os universitários viram de perto as pesquisas que são realizadas 
Foto: div. Os universitários viram de perto as pesquisas que são realizadas
Foto: div.

IVINHEMA - Acadêmicos do curso de Agronomia da Anhanguera de Dourados estiveram recentemente em Ivinhema para conhecerem de perto a cultura do café. O Município é reconhecido atualmente como destaque na Agricultura Familiar e possui o Colégio Agrícola, onde é oferecido o Curso Técnico Agropecuário, regularmente desenvolvido pela Escola Estadual Reynaldo Massi com a Escola Municipal Rural Benedita Figueiró de Oliveira. Os universitários viram de perto as pesquisas que são realizadas e também visitaram produtores rurais locais.

O Colégio Agrícola possui uma área orgânica para desenvolver projetos diversos sem o uso de agrotóxico e também desenvolve pesquisas feitas com especialistas da Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias, da Agraer - Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural, e Iagro - Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal, entre outros.

Os estudos estão em andamento e alguns dos resultados já são testados na própria escola. O Município entra com a área e a infraestrutura para os especialistas desenvolverem suas teses. Já os alunos, supervisionados por seus professores, acompanham passo a passo todos os processos em aulas teóricas e práticas. A I Turma do Curso Técnico colou grau em dezembro de 2010.

Após essa conquista, a Prefeitura, o Governo de MS e a direção do Colégio unem força para que as ações de desenvolvimento nesta área sejam ainda mais abrangentes. Para este ano letivo, há uma programação diferenciada e pretende tornar o curso mais dinâmico. Para o final do Primeiro Semestre de 2011, está previsto para acontecer um simpósio da Agricultura Família no próprio Colégio. No evento serão abordadas culturas como o leite, café, mandioca e fruticultura, além de focar também as invenções rurais da Região e compartilhá-las com os participantes.

“Graças a parcerias fortes, Ivinhema se destaca nessa área. Agora temos essa missão de melhorar ainda mais esse setor. Tiramos da teoria e colocamos na pratica. Hoje, esse sonho é uma realidade. Investir em uma Educação qualificada vem de encontro com as necessidades locais e regionais. O Município é capaz de formar seus próprios técnicos agrícolas que vão atuar neste cenário”, destaca o prefeito de Ivinhema, Renato Câmara.

Cleonice Colodetti Poggi, secretária Municipal de Educação, mencionou que Ivinhema passa por uma verdadeira transformação. “O Colégio Agrícola deixou de ser somente um sonho. É uma escola que tem se tornado referência em muitos lugares, tanto que hoje já temos estudantes de outras cidades fazendo parte dessa instituição de ensino”, aponta a secretária.

Um outro fator que faz com que o Colégio Agrícola de Ivinhema se torne referência, é que os alimentos consumidos pelos estudantes são produzidos no próprio local. E a alimentação escolar é acompanhada pessoalmente por uma nutricionista da Prefeitura do Município.

Um dos objetivos da instituição é garantir oportunidade para a formação geral e a habilitação técnica gratuita aos estudantes, ampliando as oportunidades, tanto para o ingresso no mercado de trabalho (em usinas sucroalcooleiras, Iagro, Agraer, Embrapa, fazendas, entre outras), quanto para o ingresso no Ensino Superior, com embasamento teórico e prático, visando um desempenho eficiente e eficaz.

As pessoas interessadas em estudar ou conhecer o Colégio Agrícola podem se dirigir até a secretaria da Escola Estadual Reynaldo Massi para efetuarem a matrícula. Mais informações pelo fone 3442-1891 ou 3442-3420

Investimentos

Há três anos, a Prefeitura de Ivinhema e o Governo do Estado investem nessa instituição de ensino que já é referência.Um dos investimentos feitos foi a construção de uma sala de industrialização, inaugurada no ano passado e construída com recursos estaduais, através de emendas parlamentares e mais a contrapartida do Município.

Para este ano de 2011, é esperada a construção de uma sala de estudos, de uma biblioteca e também a reforma do Colégio, além da aquisição de um trator.


Comentários

 



 
 
 
 
 
 
Imóveis Apartamentos Veículos e Utilitários Importados Motos Diversos Telefones Empregos e Oportunidades