Carnaval terá festa na avenida, blocos e show do SPC na Capital

Folia já começou com apresentações de blocos, que terá maior desfile no domingo; escolas de samba desfilam segunda e terça

Elvio Lopes - 09/02/2018 09h50

Passarela do Samba, na Avenida Alfredo Scaff, que apresentará desfiles das escolas na segunda e terça-feira (Foto: divulgação) Passarela do Samba, na Avenida Alfredo Scaff, que apresentará desfiles das escolas na segunda e terça-feira (Foto: divulgação)

Com o tema Carnaval Capital 40 Anos, folia já teve início com apresentações de blocos nas últimas semanas e continua com bailes em salões e desfiles de blocos no domingo, de escolas de samba na segunda e terça-feira e show do grupo Só Prá Contrariar na terça-feira. A estrutura para os desfiles e show estão sendo finalizadas por equipes da Prefeitura de Campo Grande na Avenida Alfredo Scaff, na Praça do Papa, com pórticos decorativos e iluminação extra, além de pinturas no asfalto.

Os blocos de rua, com o apoio da Associação dos Blocos, Bandas, Cordões e Corso Carnavalesco Cultural de Campo Grande (Ablanc), já se tornaram uma tradição no Carnaval em Campo Grande, atraindo milhares de pessoas para brincar na folia de momo. O maior desfile acontece no domingo de Carnaval (11) com a participação de 18 blocos e cordões na Esplanada Ferroviária, com início às 17 horas e se estendendo até a meia noite. Entre os blocos estão Eu meto o bico, Tereré, Tô Chegando, Tô de olho em você, Tô a toa, Turma do mel, Bem-te-vi, Corujinha, Formigueiro, Amor eu vou ali, Nuca e amigos, Beber cair e levantar, Vai ou racha, Bambas do BH, Lobo Mau, Jacaré Banguelo, Força do Tigre, Império dos amigos.

ESQUENTA

Mas, antes disso a festa de momo ganhou um esquenta na quinta-feira (8) com o desfile do Bloco Evoé Baco, no bairro Amambaí, das 17 horas às 23 horas e na sexta-feira com o bloco dos Rockers, na Orla Ferroviária, com concentração a partir das 16 horas.

No sábado de Carnaval, na Esplanada Ferroviária, a festa fica por conta do Bloco Cordão Valu, das 17 horas à meia noite e do bloco dos Rockers, na Orla Ferroviária, das 16 horas às 22 horas.

No domingo (11), a Orquestra Vai Quem Vem estará na Praça do Rádio Clube, das 16 horas às 22 horas. Na segunda de Carnaval (12), é a vez do Bloco Capivara Blasé na Esplanada Ferroviária, das 16 horas à meia noite.

Na terça de Carnaval, o tradicional Cordão Valu estará na Esplanada Ferroviária, com concentração, na rua General Melo, a partir das 14 horas. Um dos cordões mais antigos de Campo Grande, o Valu atrai foliões de todas as idades e famílias inteiras para aproveitar os festejos de momo.

Para fechar a festa, no dia 17 de fevereiro, o Bloco Capivara blasé estará na Esplanada Ferroviária, das 16h à meia noite.

PASSARELA

A Avenida Alfredo Scaf, onde acontece o desfile das escolas de samba do grupo de acesso e do grupo especial realizado pela Liga das Entidades Carnavalescas de Campo Grande (Lienca) receberá uma agremiação convidada e oito escolas samba que participam do Carnaval 2018 na segunda-feira (12) (grupo de acesso) e na terça-feira (13) (grupo especial). O desfile está programado para começar às 19 horas.

Na passarela estarão a escola mirim convidada, Herdeiros do Samba com o enredo "Nas águas mergulhei, nas águas me lavei, nas águas me criei, das águas me alimentei, Mato Grosso do Sul Admirei", e as oito agremiações, com a Escola de Samba Unidos do Bairro Cruzeiro, com o enredo "Raizes, Mato Grosso do Sul é Pantanal", a escola de samba Cinderela Tradição do José Abrão, com o enredo "Nas asas do beija flor, um berço de cultura se transformou. Mato Grosso do Sul, 40 anos de farturas culturais". Já a Escola de Samba Unidos do Aero Rancho entra na avenida com o enredo: "Tá vendo este Estado moço? Nós ajudamos a construir" e a Escola de SambaCatedráticos do Samba com o enredo: "Com as mãos e a garra de um povo sonhador, surge um novo Estado. 40 anos de Mato Grosso do Sul – Aquidauana: aqui começa o Pantanal. A Escola de Samba Unidos do São Francisco escolheu para este ano o enredo: "Comitiva Pantaneira".

Também participam a Escola de Samba Igrejinha, com o enredo: "40 anos de criação do Estado de Mato Grosso do Sul, em terras pantaneiras, tem samba sim senhor"; a Escola de Samba Unidos da Vila Carvalho entra na avenida com o enredo "Lendas do Mato Grosso do Sul", a Escola de Samba Deixa Falar estará com o enredo: "Cio da Terra – Sob as lentes de Roberto Higa, 40 anos de Mato Grosso do Sul.

MATINÊ

A criançada poderá aproveitar a folia no domingo de Carnaval (11), na Praça do Papa que será preparada para atender os foliões. A programação dos mini-foliões está marcada para iniciar às 15 horas encerrando às 20 horas.

SPC

Na segunda-feira de Carnaval (12), o folião terá, após o desfile das escolas de samba de acesso, o show especial com o grupo nacional SPC. O grupo Só pra Contrariar, que deve atrair um grande público na Praça do Papa, é considerada uma das bandas de samba e pagode mais importantes da MPB. Com mais de 20 milhões de discos vendidos, muitos prêmios e vários sucessos ainda na memória das pessoas, a banda conta com 29 anos de carreira. O grupo, que é liderado pelos irmãos vocalistas Fernando Pires e o caçula João Junior, está com a turnê Samba Pop.