Homem é executado após reclamar sobre cheiro de droga

Crime aconteceu na tarde de ontem (09) no bairro Dioclécio Artuzi III em Dourados

Por: Vinicios Araújo - 09/10/2017 10h33

Homem foi encaminhado ao hospital, mas não resistiu
(Foto: Cido Costa) Homem foi encaminhado ao hospital, mas não resistiu
(Foto: Cido Costa)

Jair Pereira Amorim, de 48 anos, foi executado no início da tarde de ontem no bairro Dioclécio Artuzi III em Dourados e a motivação pelo crime seria por ele ter reclamado sobre o cheiro de maconha exalado da casa dos supostos autores.

Segundo informações, um grupo de jovens estaria fumando a droga no interior da casa e Jair teria ido reclamar sobre o cheiro exalado. Após discussão ele teria pegado a bicicleta e ido embora, mas na Rua D3 foi abordado por um dos rapazes, que baleou o morador na barriga e na cabeça. Após disparar contra a vítima, ele fugiu.

O douradense foi socorrido por uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhado ao Hospital da Vida mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

A Polícia Militar realizou rondas no bairro na tentativa de localizar o suspeito mas ninguém foi encontrado, porém os militares já identificaram o rapaz.