Bêbado, homem agride esposa e filhos, esfaqueia primo e ateia fogo em residência

Após rondas na propriedade rural, o autor foi encontrado e levado junto com a esposa para a delegacia, que recusou representar queixa contra o marido

Por: O PROGRESSO - 17/07/2017 09h42

-Na noite de sábado, 15, um homem de 23 anos foi preso em uma propriedade rural no município de Iguatemi, 248 quilômetros distante de Dourados, após agredir a esposa, bater nos filhos com o cano de uma espingarda, esfaquear um familiar e atear fogo na casa onde morava com a família. Os envolvidos foram levados até a delegacia de polícia e a esposa do autor não desejou representar contra o autor.

Segundo boletim de ocorrência, A.E.N. teria passado a tarde ingerindo bebida alcoólica, quando ao retornar a noite para casa pediu à esposa que preparasse o jantar pois iria dormir. O autor então foi até os fundos da casa e disse que estaria perdido, momento em que retornou para o interior da residência e puxou a esposa pelos cabelos, e iniciou as agressões. Ela estaria com o filho mais novo no colo, que acabou caindo junto com a mãe no chão durante a violência.

O marido ainda teria pegado uma espingarda calibre 28 sem cartuchos e passou a agredir os próprios filhos com o cano da arma.

Um primo do acusado, temendo que ele provocasse danos maiores à família, interveio e entrou em luta corporal com o autor que em posse de uma faca, desferiu golpe no abdômen do familiar.

Após a sessão de horror, o acusado colocou toda a família para correr da residência e incendiou o imóvel por completo, destruindo móveis e documentos pessoais da família.

Ele fugiu para uma vegetação. A polícia foi acionada por uma testemunha informou o ocorrido. Uma ambulância também se deslocou até o local e encaminhou o familiar esfaqueado ao hospital.

Os militares realizaram buscas ao redor da propriedade e perceberam uma luz de lanterna, onde o autor foi encontrado e encaminhado junto com a esposa até a delegacia. Já no distrito policial, a mulher recusou representar queixa contra o autor.