Adolescente mata, alega legítima defesa e é liberado

O crime aconteceu na tarde de domingo (08)

Por: Vinicios Araújo - 18/10/2017 08h52

Homem foi encaminhado ao hospital, mas não resistiu
(Foto: Cido Costa) Homem foi encaminhado ao hospital, mas não resistiu
(Foto: Cido Costa)

O adolescente responsável pelo assassinato de Jair Pereira Amorim (52) no dia 08 de outubro, se apresentou à polícia na tarde de ontem (17) na Delegacia do Menor em Dourados. O rapaz alegou ter agido em legítima defesa após ter sido, segundo ele, perseguido por Jair armado com faca.

Durante depoimento o garoto contou que a vítima já teria ameaçado e tentado esfaqueá-lo, mas ele teria conseguido escapar. Ao encontrar com o morador do bairro Dioclécio Artuzi III, onde o crime aconteceu, ele alvejou a vítima com tiros no abdome e cabeça.

Segundo informações, no dia do crime, o adolescente teria sido expulso de uma 'boca de fumo' após Jair ter reclamado sobre o forte cheiro que exalava da residência.

Após prestar o depoimento, o adolescente foi liberado e responderá pelo crime em liberdade.