Ação integrada entre secretarias revitaliza Parque Arnulpho Fioravanti

Segundo o diretor do Imam, Fabiano Costa, todo o movimento iniciou nesta terça com os trabalhos de limpeza e manutenção da Semsur

Dourados - 16/05/2018 09h33

 
Técnicos do Imam fizeram um trabalho de reconhecimento do parque na manhã desta terça-feira - Foto: divulgação Técnicos do Imam fizeram um trabalho de reconhecimento do parque na manhã desta terça-feira - Foto: divulgação

No próximo dia 19 de maio, sábado, uma ação ambiental encabeçada pelo Instituto Municipal do Meio Ambiente (Imam) vai marcar oficialmente o início do movimento de revitalização do Parque Arnulpho Fioravanti, conhecido como Ceper da Rodoviária, visando fomentar a prática da visitação no local em busca de criar uma identificação do cidadão douradense com o parque. Além de um ação de limpeza do lago e do córrego, no sábado, ações como capoeira, rugby e futebol de salão têm sido programadas para ocupar os espaços.

Segundo o diretor do Imam, Fabiano Costa, todo este movimento iniciou nesta terça-feira (15) com os trabalhos de limpeza e manutenção do parque, executados pelas equipes da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) e terá um envolvimento ainda da Guarda Municipal, Secretaria Municipal de Agricultura Familiar (Semaf), Secretaria de Cultura, Fundação de Esportes de Dourados (Funed) e apoio da Polícia Militar Ambiental, Sanesul, Rotary e outras secretarias e órgãos da sociedade para transformar o parque.

"Temos como meta criar todas as condições para que a população sinta-se à vontade para frequentar o parque. Assim, teremos ações culturais e de esportes nas estruturas que o Arnulpho tem, e vamos fazer uma ação de limpeza do córrego e do lago, com o apoio da PMA e do Rotary. Sem contar a reestruturação do ambiente para camping, caminhada, contemplação e outras atividades", disse. Escoteiros e alunos de algumas escolas municipais também participarão da ação de limpeza do lago e do córrego.

Na manhã desta terça-feira, o diretor do Imam e a equipe de técnicos ambientais do Instituto fez uma visita técnica no interior do Parque, para reconhecimento das trilhas e verificação de pontos críticos onde há degradação, acúmulo de lixo, áreas a serem recuperadas, entre outros.

Fabiano, que é um frequentador assíduo do Parque, disse que a estrutura é o "quintal de nossa casa" e que precisamos conhecê-lo, "pois não se ama aquilo que não se conhece". Fabiano lembrou que a meta da prefeita sempre foi cuidar daquilo que Dourados tem e isto precisa ser inserido no cotidiano do douradense.

A Semsur procedeu com a poda de árvores, roçada, reestruturação do parquinho e da Praça Baltazar Marques, com consertos e pinturas, recuperação da pista no entorno do lago com o apoio do maquinário da Semaf e muitos outros serviços. "Estamos empenhados em fomentar a visitação, e a ocupação dos espaços. Vamos mudar efetivamente o aspecto, e começa pela limpeza", disse o secretário Joaquim Soares.

Com o apoio da Guarda Municipal, a Prefeitura vai manter ações com o curso de formação dos novos guardas. Com a presença da GM no parque, nos espaços recuperados, o objetivo é dar uma sensação de segurança maior aos populares.