18/10/2012 14h10 - Atualizado em 18/10/2012 14h10

Maracaju realiza campanha ‘Outubro Rosa’

Com o diagnostico precoce da doença, a mulher tem praticamente 100% de chance de cura

 
Do Progresso
Laço Rosa simboliza a ação mobilizadora (Foto: Divulgação) Laço Rosa simboliza a ação mobilizadora (Foto: Divulgação)

MARACAJU - Para conscientizar as mulheres sobre a prevenção ao Câncer de Mama e Colo de Útero, está acontecendo em todo Brasil durante todo o mês de outubro, ações para mobilizar o sexo feminino sobre a importância de fazer o exame.

Em Maracaju não é diferente, a Secretaria de Saúde Municipal está com a Campanha de prevenção ao Câncer de Mama e Colo de Útero. “Estamos realizando consulta do toque de mama nas unidades de saúde de Maracaju, é só marcar no Posto de Saúde mais próximo da casa, para ser atendido durante o dia, se optar pelo período noturno, todas as terça-feira de outubro, a partir das 17h também estaremos atendendo nos postos, não precisa marcar é só chegar e consultar, apenas alguns minutos que podem salvar uma vida inteira”, disse o secretário de Saúde Ariovaldo Boer.

De acordo com uma das coordenadoras da campanha em Maracaju, a assistente social da Secretaria de Saúde Luciana Henricksen Schmitt, a campanha também acontecerá no dia 27 de outubro, sábado. “Estaremos atendendo o dia todo, venha fazer o exame de prevenção de Câncer de Mama e Colo de útero, não deixe de vir, cuidar da sua saúde”, finalizou.

Uma das doenças que mais tem levado ao óbito no Brasil é o câncer. Na média geral, o câncer de colo de útero é o terceiro que mais mata e o câncer de mama o segundo entre as mulheres.

O câncer do colo de útero demora muitos anos para se desenvolver. As alterações das células que podem desencadear o câncer são descobertas facilmente no exame preventivo conhecido como Papanicolau, por isso é importante a sua realização periódica. A principal alteração que pode levar a esse tipo de câncer é a infecção pelo papilomavírus humano, o HPV, com alguns subtipos de alto risco e relacionados a tumores malignos. No Brasil, por ano, faz 4.800 vítimas fatais e apresenta 18.430 novos casos. Mulheres diagnosticadas precocemente, se tratadas adequadamente, têm praticamente 100% de chance de cura.

Já o câncer de mama feminino tem 95% de chance de cura se tratadas. No entanto, dados do Instituto Nacional de Câncer informam que 27 mulheres por dia morrem por causa do câncer. Por ser uma doença altamente curável é importante detectar o câncer assim que ele apareça. Para isso é importante fazer uma prevenção mensal, com o exame de toque e com visitas regulares ao médico. Para as mulheres com idade acima de 40 anos, ou as mais novas que já tenham tido algum caso na família, é importante que seja feita a mamografia anualmente.

Não se sabe ao certo as causas do câncer de mama, mas os médicos recomendam uma vida saudável, com a ingestão de fibras, frutas, verduras, cereais integrais e carnes magras. Além disso, manter o peso correto e praticar exercícios físicos e técnicas de relaxamento que mantenham o organismo saudável como um todo.

JATEÍ

A saúde do município de Jateí realiza hoje (18) a caminhada ‘Outubro Rosa’, com início previsto as 17 horas, a concentração será na Praça Central, onde percorrerão as principais ruas e avenidas da cidade.

A caminhada visa alertar sobre combate ao câncer de mama e colo do útero, com finalidade de despertar o interesse da população para a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer, aumentando assim, a expectativa de cura.

Para o prefeito Arilson Targino (PMDB) ações como esta são de suma importância, por isso a equipe responsável aguarda a presença de grande público durante esta ação, que contará também com a presença de diversos homens.

O movimento popular internacionalmente conhecido como ‘Outubro Rosa’ é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

CAMPO GRANDE

O Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC), em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde realizará, sábado (20), o Workshop em Mastologia. O evento é gratuito e acontecerá no auditório Grand Park Hotel, em Campo Grande. Ao final do evento, será aplicada uma prova sobre o conteúdo apresentado e médico melhor colocado, ganhará uma bolsa de estudos no IBCC.

O Workshop em Mastologia tem o objetivo de contribuir para a disseminação do conhecimento da especialidade nas regiões distantes dos grandes centros.

Seu conteúdo englobará temas como prevenção, diagnóstico, tratamento cirúrgico, quimioterapia, radioterapia, reconstrução mamária e cuidados de enfermagem. “O conteúdo faz parte de um planejamento específico para que se possa abordar os principais tópicos que integram a grade curricular do curso ministrado pelo Instituto em São Paulo”, explica o diretor-clínico do IBCC e coordenador do Workshop em Mastologia, dr. Marcelo A. Calil. Estão disponíveis 60 vagas, sendo 50 destinadas a médicos e 10 a enfermagem. Para se inscrever, entre em contato pelos telefones: (67) 3318-1740 e (67) 3318-1704.

Esta é a quarta edição do evento, que já passou por São Luís (MA), Boa Vista (RR), Porto Velho (RO) e seguirá para Maceió (AL) e Macapá (AP) até o final de 2012.




 
 
 
 
Imóveis Apartamentos Veículos e Utilitários Importados Motos Diversos Telefones Empregos e Oportunidades